Losna é artemísia? Entenda para que serve essa erva amarga!

A Losna divide parte de seu nome científico com a Artemísia, mas as duas são distintas e têm indicações bem diferentes para a saúde! Os benefícios da Losna vão desde a melhora da digestão até o tratamento contra vermes e protozoários. Que tal entender mais sobre essa planta cheia de história? Nesse artigo, vamos explicar as diferenças entre as duas ervas e as qualidades da Losna!

 

 

Comprar Losna

O que é Losna?

A Losna é uma planta pequena, mas muito poderosa. É uma espécie herbácea, de rizomas lenhosos e folhas de cor verde-esbranquiçada, com um aroma específico. Propaga-se também através da divisão de suas touceiras, preferindo solos pobres, até pedregosos. De longe, pode parecer até uma simples erva usada como tempero, mas ela é bem mais complexa!

Dotada de um sabor particularmente amargo, a Losna até tem seus defensores no uso moderado na cozinha, mas ela é, antes de tudo, uma planta medicinal de uso restrito. E é claro, não podemos deixar de falar da sua fama em destilados: a Losna é componente principal do Absinto.

O Absinto foi proibido no Brasil e em outros países durante o século XX, pois o consumo excessivo dessa bebida estava associada não apenas aos efeitos terríveis do alcoolismo, mas também com controvérsias sobre os supostos delírios provocados pela bebida — também chamada de "fada verde", que foi muito popular na França e famosa entre artistas e escritores. Em meados de 1860, o prestígio era tanto em bistrôs e bares que o período em que as pessoas iam até esses locais para beber, por volta das 17h, foi apelidado de "hora verde".

 

 

E além do nome popular Losna, absinto e artemísia, essa planta tem outros nomes populares: vermute, acintro, sintro, alenjo, gotas-amargas, erva-dos-vermes, erva-dos-velhos e erva-do-fel.

Vamos ver a relação entre a Losna e a Artemísia abaixo!

 

Comprar Losna

Losna é artemísia? Ou são plantas diferentes?

São plantas bem próximas, mas espécies diferentes.

O nome científico da Losna, Artemisia absinthium L., tem certas particularidades. A planta não é distante da Artemisia vulgaris, afinal, as duas pertencem ao mesmo gênero botânico Artemisia, da família Asteraceae — e o gênero tem o nome inspirado na deusa grega Ártemis, uma deidade associada à lua, fertilidade e caça. E enquanto a Artemísia vulgaris é relacionada a benefícios à questões do sexo feminino, como regulação dos fluxos menstruais, a Losna é mais associada aos seus efeitos vermífugos.

Ainda assim, a Losna também tem certa atividade emenagoga!

Já o "absinthium" em seu nome científico é alvo de certa especulação. Esse termo deriva do grego ἀψίνθιον, apsínthion. Há quem defenda que o termo significa "imbebível", mas há indícios que o termo possa ser emprestado de outro idioma: o persa. E aí, ele estaria ligado a spand ou aspand, ou a variante esfand, que remete à outra planta — um tipo de arruda, também amarga. Mas outras teorias discutem se a Artemisia absinthium era queimada como oferenda; e sendo assim, a origem de "absinthium" viria do protoindo-europeu *spend, cuja tradução livre é "fazer uma oferta" ou oferenda.

Caso você já tenha ouvido alguém perguntar se Losna e boldo é a mesma coisa, saiba que elas são bem distantes. O que aproxima as duas é apenas o seu amargor.

O fato é que a Losna é uma planta de uso muito antigo, aparecendo em textos antigos como o papiro de Ebers e foi sendo aplicado principalmente como uma erva capaz de eliminar vermes. Será que é tudo isso mesmo?

Hora de desvendar para que serve a Losna!

 

 

Comprar Losna

Losna: para que serve

Tradicionalmente, a Losna serve para combater vermes e parasitas, mas também foi muito usada como repelente para traças, piolhos e percevejos em produtos para limpar roupas e lençois. Na História, a Losna teve até uso veterinário, para aumentar o apetite de gado.

As partes utilizadas na fitoterapia são suas folhas e seus princípios ativo mais importantes, em geral, são:

A Losna possui ações

Ela é vendida na forma de cápsulas, tintura e até mesmo um shampoo composto anti-piorréico (piolhos)!

Se você tem dúvidas de onde encontrar a melhor opção de fitoterápico manipulado para você, não se preocupe! A Oficina de Ervas tem estas versões para você escolher.


Comprar Losna

E quais as indicações de uso da Losna?

É bom para fígado, é bom para gastrite, é bom para vermes? Afinal, Losna é bom para quê? Vamos ver a lista abaixo, pois essa planta tem mais de uma indicação de uso!

 

A Losna faz parte do RENISUS (Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao Sistema Único de Saúde) devido suas qualidades terapêuticas e seu uso popular, muitas vezes citado para o preparo de chá.

O estímulo da digestão através dessa planta ocorre através de mecanismos diferentes. O primeiro a ser citado é a capacidade de "irritar" terminações nervosas já na língua, estimulando a salivação e secreção do suco gástrico. Outro mecanismo a ser lembrado é o estímulo à secreção de bile e suco pancreático — respectivamente, no fígado e no pâncreas.

É indicado que essa ação digestiva ocorre por mudanças de contrações e mudanças hemodinâmicas pós-prandial na fase gástrica da digestão, que junto com o aumento de suprimento sanguíneo, resulta em condições mais favoráveis para uma digestão facilitada. Os princípios amargos, como a absintina, são apontados como responsáveis por esses estímulos — e potencialmente explicam os efeitos carminativos e espasmolíticos.

 

 

Os componentes relacionados aos efeitos antiparasitários são o trans-cariofileno e o di-hidrochamazuleno, enquanto a atividade antimicrobiana é associada ao óleo essencial, que inibe o crescimento de bactérias gram-positivas e também a alguns tipos de fungos. Os efeitos vermífugos são associados à tujona, mas são necessários mais estudos para avaliar se é esse componente isolado ou uma ação sinérgica da planta.

A ação no índice glicêmico existe, mas é sensível e merece mais pesquisas. Já sua ação antioxidante e citotóxica trazem ainda mais destaque nos estudos, já que algumas pesquisas anteriores indicam potencial anticancerígeno.

 

Dosagem usual recomendada

A dosagem usual depende do quadro da sua saúde — que tipo de condição você está buscando tratar — e a forma que você prefere consumir a Losna. Afinal, esta planta permite diferentes usos, por exemplo em cápsulas ou tintura; e há mais de uma condição que ela pode ajudar a tratar. Converse com nossos fitoterapeutas sobre seu caso e não deixe a sua saúde de lado! Entre em contato com um de nossos fitoterapeutas clicando aqui. Assim, ficará mais fácil entender como tomar a Losna da melhor forma.

 

Comprar Losna

Losna emagrece?

A Losna, por si só, não possui propriedades específicas que reduzam taxas de lipídios depositados em excesso no tecido adiposo no corpo, apenas ajuda nos processos digestivos e pode diminuir estufamentos que causam certo inchaço (além de desconforto!) no abdômen.

Por isso, embora algumas pessoas possam associar a Losna à perda de peso, não é isso que acontece. A Losna não elimina gordura e nem é uma planta tradicionalmente indicada para emagrecimento. Ela ainda tem ações terapêuticas interessantes para nossa saúde, mas vale lembrar que rotinas de emagrecimento são ricas de outras atitudes e aliados mais eficazes.

Questões metabólicas são complexas e a obesidade não pode ser encarada de forma simplista. Assim, recomendamos sempre manter hábitos saudáveis e acompanhamento com profissionais da saúde.

Você pode conferir mais informações e dicas de ervas indicadas para emagrecimento no nosso informativo também: É só clicar aqui para conferir 7 Dicas de Emagrecimento Saudável com Plantas.

 

 

Comprar Losna

Losna: efeitos colaterais e contraindicações

Quando consumida dentro da dosagem correta e respeitando o tempo de uso indicado (não exceder 15 a 20 dias de uso), a Losna é segura para consumo. No entanto, os efeitos colaterais associados ao consumo excessivo e/ou prolongado são preocupantes: náusea, cólicas, vômitos, sangramentos, pressão alta, alucinações, convulsões, salivação excessiva e insuficiência renal.

Embora a capacidade alucinógena da Losna seja discutível, já que é mais associada ao consumo excessivo de bebidas alcóolicas e episódios controversos na história da França, o ideal é manter o uso seguro desta planta.

Nas aplicações tópicas, não são relatados efeitos adversos assim, limitando-se à irritação transitória.

Existem outros pontos importantes sobre o uso medicinal da Losna:

 

Comprar Losna

Losna: preço e onde comprar

Você pode comprar a Losna no nosso site, clicando aqui.

Em caso de dúvidas, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

 

Comprar Losna

 

Referências

https://ojs.brazilianjournals.com.br/ojs/index.php/BJHR/article/view/15663/12880

https://www.mdpi.com/2223-7747/9/9/1063

https://hortodidatico.ufsc.br/losna/

https://eic.ifsc.usp.br/losna/

https://www.anchietano.unisinos.br/medicinais/plantas/plantas/LOSNA.pdf

https://www.originalabsinthe.com/absinthe-blog/great-meal-recipes-with-absinthe.html

https://pt.wikipedia.org/wiki/Absinto

https://pt.wikipedia.org/wiki/Absinto_(planta)

https://www.healthline.com/nutrition/what-is-wormwood

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

Artigo Dilênia ou Maçã de Elefante? Entenda os benefícios do uso medicinal dessa planta! 16 Jul 2024 Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos