Plugin necessário

Buscar produtos naturais

Carqueja

Compre Carqueja online

Categoria: Fitoterápicos/ Produtos Naturais

Carqueja
Carqueja
Carqueja
Carqueja
Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter
Fórmula Magistral QTD Unitário
Extrato Fluido 60mL R$ 28,00
Extrato Fluido Composto (Carqueja + Espinheira Santa) - 60mL R$ 28,00
90 cáps. (Cáscara/ Sene/ Carqueja/ Maracujá) 300mg R$ 27,00
90 cápsulas de Carqueja 150mg + Espinheira Santa 150mg R$ 27,00
90 cápsulas de 250mg R$ 27,00
Tintura 60mL R$ 19,00
7 Ervas Orgânico Sachê (10) Kampo de Ervas R$ 5,20
Chá 30g R$ 4,00

Veja para que serve Carqueja

Carqueja (Baccharis trimera)

AÇÃO E INDICAÇÃO:

Indicada para problemas do fígado, vesícula biliar e má digestão. Possui também ação diurética. Pode ser utilizada em regimes de emagrecimento, associada à Cáscara Sagrada, Sene, Fucus, Centela Asiática, Chá Verde, chá Vermelho, Chá Branco, Garcínia, Pholia Magra, Laranja Amarga, Faseolamina, Quitosana, entre outras.

FORMAS UTILIZADAS:

- Cápsula (pó da planta);

- Tintura (líquido);

- Extrato Fluido (líquido);

- Chá (rasura).

- Chá 7 Ervas (Carqueja, Mate, Chá Verde, Melissa, Camomila, Capim limão e Hortelã) Auxiliar para regime de emagrecimento.

Tags: carqueja. bacharis trimera.chá 7 ervas. 7 ervas. sete ervas. fígado. digestivo. digestão. problemas de fígado. má digestão. vesícula biliar. ação diurética. diurese. emagrecimento. retenção de líquido.

 

Carqueja

Carqueja (Baccharis trimera)

Esta é uma planta da qual realmente dá gosto de falar, pois possui inúmeras qualidades terapêuticas. A carqueja é uma planta nativa da América do Sul, encontrada desde o norte, na Amazônia, até nos pampas argentinos. No Rio Grande do Sul ela chega a ocupar todas as regiões de banhados, ou sejam, as regiões baixas como as várzeas. A incidência é tão grande que causa uma série de problemas, como deixar um gosto amargo no leite, se o gado consumir a carqueja por falta de pasto, ou ainda deixar o mel amargo quando as abelhas, por falta de flores de outras plantas, recorrem às da carqueja. Já no restante do Brasil a incidência não é tão intensa, sendo encontrada mais em regiões baixas, beiradas de córregos ou qualquer região mais úmida.

A carqueja é uma planta herbácea que possui suas folhas aderidas ao caule e não possui bainha foliar. A planta macho atinge cerca de 1 m de altura, mas a planta fêmea pode atingir até 2 m, possuindo um caule bem mais lignificado, ou seja, mais grosso e mais firme. Suas folhas são pequenas e de coloração branca levemente puxada ao creme. De sabor extremamente amargo não tem como ser confundida. Existem outras variedades de carqueja, inclusive de folhas menores e bem menos amargas, denominadas de "carquejinha doce", mas de eficácia terapêutica bem inferior à da carqueja amarga.

O cultivo produz uma carqueja de extrema qualidade, proporcionando um resultado excelente. Já a coletada no campo não produz uma erva de qualidade, devido basicamente à falta de higiene e conhecimento dos coletores. É muito comum os agricultores do Rio Grande do Sul roçarem os pastos, principalmente os banhados, e deixarem secar ao sol. Isto irá proporcionar uma erva de péssima qualidade, de cor amarronzada, praticamente sem valor terapêutico. Esta é a droga que os atacadistas de São Paulo recebem para distribuir para os laboratórios e farmácias.

As qualidades terapêuticas da carqueja são inúmeras, sendo muito empregada pela população de toda a América do Sul. Planta praticamente atóxica nas dosagens usuais, pode provocar alguns distúrbios em quantidades exageradas. Possui uma leve ação diurética, sendo utilizada em regimes de emagrecimento. Algumas pessoas utilizam para o controle da taxa da glicose em casos de diabetes, mas ainda não existe nenhum trabalho científico comprovando esta aplicação, mas temos muito resultados para problemas de fígado. A carqueja é uma planta com uma ação hepatoprotetora muito boa e indicada nos casos de má digestão e problemas do fígado em geral. Quando comemos ou bebemos um pouco além de nosso limite, sobrecarregamos o nosso fígado e aí passamos a sentir dor de cabeça, irritabilidade, insônia, boca amarga e às vezes dor pelo corpo todo. Nestes casos, nada melhor do que um Extrato Fluido de Carqueja pelo menos umas três ou quatro vezes ao dia, ou então um chá bem morno após cada refeição. Faça este tratamento pelo menos por uns três meses e depois suspenda.

Uma outra situação muito boa para empregar a carqueja é nos casos de pedra na vesicular biliar. Esta planta possui uma capacidade de aumentar a produção e a liberação de bile, inclusive fluidificando-a. Não recomendamos nos casos de mães que estejam amamentando, pois o leite materno pode se tornar levemente amargo.

Ademar Menezes Junior

 

BIBLIOGRAFIAS

OE

Formas de Pagamento

Formas de pagamentos aceitas pela Oficina de Ervas: Boleto, Cartões de Crédito e Transferência eletrônica.

Últimas Notícias

Lançamento da Linha Toque de Luz, Cristais de Oz Saiba Mais

Cultivo de Ervas Medicinais do grupo Oficina de Ervas Saiba Mais

Ver Todas Notícias

Monte sua Receita

Envie sua receita para que possamos fazer um orçamento específico para suas necessidades.

Email:
farmacia@oficinadeervas.com.br
Telefone: 16 - 2133.4455

OE

Manipulação e fitoterápicos!

A sua saúde em equilíbrio com a natureza. Conheça os benefícios que as plantas podem proporcionar e deixe a natureza cuidar de você!

Nossa equipe tem formação para prestar atendimento à sociedade, sobre esse vasto assunto que é a fitoterapia.

leia mais