Bardana: o que é e para que serve

A Bardana é muito valorizada por sua riqueza nutricional como alimento e por suas propriedades medicinais há anos! Mas você conhece bem essa erva? Ela é muito versátil e pode tanto auxiliar em problemas de pele (como acne e furúnculos) quanto no funcionamento do fígado. Neste artigo, vamos desvendar como os benefícios da Bardana podem ajudar na saúde, contra indicações e onde comprar.

 

O que é a Bardana?

A Bardana tem um nome que parece tão familiar, tão brasileiro, que só pela sonoridade de seu nome pode ser difícil imaginar quanta história essa planta tem em outros países. Sua origem específica é incerta, embora seja na Eurásia. O fato é que certas culturas aproveitaram mais desta fonte de nutrientes, por exemplo a cultura japonesa.

No Japão, a Bardana é chamada de gobô e entra na alimentação comum do dia a dia. Se você se pergunta como fazer, saiba que ela é preparada refogada, assada, cozida e também em tempurás. O chá medicinal de Bardana, apesar de ligeiramente amargo, é apreciado por sua capacidade de aliviar a sensação de empanturramento.

O nome científico desta espécie é Arctium lappa, da família Asteraceae. A primeira parte de seu nome científico faz referência ao aspecto peludo de suas flores e dos frutos que se formam depois, formando carrapichos, já que o prefixo arct significa "urso".

O nome Bardana, por sua vez, tem uma origem mais complexa, vinda possivelmente do latim medieval. E já que essa planta foi disseminada por inúmeros países, preferindo climas mais temperados, é natural que ela tenha recebido outros nomes de acordo com o idioma, por exemplo Lampazo, Burdock, Große Klette…

Você encontra a Bardana no Brasil com maior facilidade no Sudeste e no Sul, especialmente devido a imigração japonesa nessas regiões. Mas se você não tem certeza de como prepará-la e quer ainda aproveitar seus benefícios, os fitoterápicos são a solução! Além de você poder consumir a Bardana através de cápsulas, tinturas e extratos fluidos, essa planta faz parte de fitocosméticos que vão cuidar da sua beleza.

Vamos entender como funciona?

 

Bardana: para que serve

Afinal, o uso de Bardana é bom para que? Na realidade, essa planta tem muitas qualidades e pode ser utilizada para mais de um objetivo, por exemplo para melhorar o aspecto da pele e para estimular a ação do fígado. Vamos conferir tudo com detalhes.

As partes mais utilizadas são folhas e raízes, e seus componentes em geral são:

A raiz também oferece nutrientes como proteínas, fibras, minerais (cálcio, fósforo, ferro) e vitaminas.

A Bardana possui ações:

Ela é vendida na forma de cápsulas, extrato fluido, tintura e fitocosméticos.

E quais são as indicações de uso da Bardana?

A Bardana costuma ser usada para diversas situações, como:

 

Estudos recentes indicam que os ácidos fenólicos são os componentes responsáveis pelo estímulo das funções hepáticas, melhorando o metabolismo de substâncias. A digestão também é facilitada, até porque a Bardana inibe a secreção de ácidos estomacais — que, em excesso, causam lesões gástricas. A atividade antioxidante, por sua vez, tem papel na diminuição de estresse oxidativo.

Todos esses processos geram impacto no aspecto externo da nossa pele, pois nosso organismo consegue processar melhor resíduos metabólicos. Na medicina tradicional, a Bardana é considerada uma planta com ação desintoxicante; suas ações antissépticas e anti-inflamatórias também estão relacionadas com o tratamento de problemas na pele e por isso ela também é utilizada de maneira tópica.

Não descarta-se o mecanismo sinérgico de seus componentes. Futuros estudos são muito bem-vindos para desvendar com maior especificidade o funcionamento da planta em nosso organismo!

 

Dosagem usual recomendada

A dosagem usual depende do quadro da sua saúde — que tipo de condição você está buscando tratar — e a forma que você prefere consumir a Bardana. Afinal, esta planta é muito versátil e permite diferentes usos, por exemplo em cápsulas ou em fitocosméticos, desde o Gel de Bardana Composto Anti-acne (ver produto) até shampoos para cabelo.

Converse com nossos fitoterapeutas sobre seu caso e não deixe a sua saúde de lado! Entre em contato com um de nossos fitoterapeutas clicando aqui. Assim, ficará mais fácil entender como tomar a Bardana da melhor forma.

 

Bardana emagrece ou engorda?

A Bardana não possui propriedades específicas que reduzam taxas de gordura no corpo e não há estudos que atestem sua capacidade de emagrecer.

O que esta planta pode fazer é auxiliar seus processos digestivos, e por consequência, facilitar o funcionamento do intestino. Isso melhora a evacuação e a manutenção de peso, mas não é um item capaz de emagrecer o corpo sem uma rotina saudável. A ação diurética também auxilia na eliminação de líquidos e na sensível perda de peso.

Assim, recomendamos sempre uma rotina saudável e lembramos que existem plantas mais específicas para quem deseja emagrecer. Você pode conferir mais informações e dicas de ervas indicadas para emagrecimento no nosso informativo também: É só clicar aqui para conferir 7 Dicas de Emagrecimento Saudável com Plantas.

Bardana dá sono?

Não há evidências do uso específico de Bardana para a indução do sono e não há indícios de substâncias que provocam esse efeito no organismo humano.

 

Bardana: efeitos colaterais e contraindicações

Por ser também uma opção alimentícia, a Bardana é bem tolerada pelo organismo. Efeitos colaterais, quando ocorrem, variam entre náusea, mal-estar, irritação ocular e leve urticária. Existem outros lembretes importantes para o consumo de Bardana:

Não recomenda-se a Bardana à gestantes ou lactantes por falta de estudos que atestem um consumo seguro por estes pacientes.

Não é recomendado para crianças e para pacientes hipersensíveis ou alérgicos aos seus componentes.

 

Bardana: preço e onde comprar

Você pode comprar a Bardana no nosso site, clicando aqui.

Em caso de dúvidas, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

Bibliografia

ARCTIUM LAPPA In: Wikipedia: a enciclopédia livre. Disponível em: https://en.wikipedia.org/wiki/Arctium_lappa Acesso em: 28 set. 2022.

CHAN, YS., Cheng, LN., Wu, JH. et al. A review of the pharmacological effects of Arctium lappa (burdock). Inflammopharmacol v. 19, n.5, p. 245–254. Outubro, 2011. Disponível em: https://doi.org/10.1007/s10787-010-0062-4 Acesso em: 28 set. 2022.

BARDANA. Horto Didático de Plantas Medicinais do HU/CCS, 2019. Disponível em: https://hortodidatico.ufsc.br/bardana/ Acesso em: 28 set. 2022.

BARDANA é considerada uma das plantas medicinais mais desintoxicantes. G1, 2021. Disponível em: https://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/terra-da-gente/noticia/2021/07/16/bardana-e-considerada-uma-das-plantas-medicinais-mais-desintoxicantes.ghtml Acesso em: 28 set. 2022.

BISSANTI, Guido. Arctium lappa. Antropocene, 2017. Disponível em: https://antropocene.it/en/2017/05/20/arctium-lappa/ Acesso em: 28 set. 2022.

BOS, Gerrit et al. Marwān ibn Janāḥ, On the nomenclature of medicinal drugs (Kitāb al-Talkhīṣ) Holanda: Brill, 2020. 1356 p. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=a6nwDwAAQBAJ&pg=PA957&lpg=PA957&dq=bardana+etymology&source=bl&ots=0sMtmjCfwu&sig=ACfU3U0kqD592mdsEvMFIoLmVIne-9PXfg&hl=pt-BR&sa=X&ved=2ahUKEwjEkZDrmLX6AhVjBrkGHclkCdMQ6AF6BAgREAM#v=onepage&q=bardana%20etymology&f=false Acesso em: 28 set. 2022.

LIN, S.C., et al. Hepatoprotective Effects of Arctium lappa Linne on Liver Injuries Induced by Chronic Ethanol Consumption and Potentiated by Carbon Tetrachloride. Journal of Biomedical Science v. 9, n.5, p. 401-109. Outubro, 2002. Disponível em: https://doi.org/10.1159/000064549 Acesso em: 28 set. 2022.

LUBIAN, Camila Teresa et al. Estudo in vitro do potencial antifúngico do extrato aquoso de Arctium lappa L sobre espécies do gênero Candida, In: CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2007, Pelotas. Documento eletrônico, disponível em: https://www2.ufpel.edu.br/cic/2007/cd/pdf/CS/CS_01124.pdf Acesso em: 28 set. 2022.

SANTOS, Ana Cristina dos. Mecanismos de ação envolvidos nos efeitos da Bardana (Arctium lappa L.) sobre o trato gastrointestinal. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Farmacologia. Curitiba, p. 104, 2007. Documento eletrônico, disponível em: https://acervodigital.ufpr.br/handle/1884/8534 Acesso em: 28 set. 2022.

STEPHENSON, Karen. Burdock: a valuable, vigorous vegetable. Edible Wild Food, 2021. Disponível em: https://www.ediblewildfood.com/blog/2021/03/burdock-a-valuable-vigorous-vegetable/ Acesso em: 28 set. 2022.

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

• Suelene
Esse remédio bardana ele cura diabete tipo 2 eu preciso de um remédio pro meu irmão si cura do diabete ele sempre alta 600 500 ele toma remédio toma ussulina e nada cura só controlar eu quero para cura ele obrigado
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Suelene. Não há possibilidade de cura, principalmente para quem já é dependente de insulina. O que pode ser feito é um melhor controle através da alimentação balanceada e de exercícios físicos, sem deixar de usar os medicamentos prescritos pelo médico. Também é importante informar ao médico sobre as taxas de glicemia atuais, uma vez que é possível fazer o ajuste da dosagem da insulina. Se ele quiser complementar esse controle glicêmico com o uso de algum fitoterápico, os mais indicados dão a Pata de Vaca, Melão de São Caetano, Gimena e Jambolão. https://www.oficinadeervas.com.br/pata-de-vaca https://www.oficinadeervas.com.br/melao-de-sao-caetano https://www.oficinadeervas.com.br/gimena https://www.oficinadeervas.com.br/jambolao Qualquer dúvida ou orientação, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Lasthênia de Freitas Varão
Excelente artigo, muito esclarecedor, com profunda abordagem científica e esclarecimentos para a população em geral.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Lasthênia. Ficamos felizes que tenha gostado do informativo. Agradecemos pelo carinho em tecer seu comentário. Estamos sempre à disposição.


• Lucia
Eu quero experimentar
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Lúcia. Se você quer experimentar a usar a Bardana como fitoterápico, poderá entrar no link abaixo para comprar: https://www.oficinadeervas.com.br/bardana Se você quer experimentar a Bardana na forma de alimento, você poderá encontrar a raiz "in natura" em lojas que vendem artigos para culinária oriental na sua cidade. Qualquer dúvida, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• dirson sanches antunes
procuro ervas para tratamento para eliminar " calculo da visicula ", pode me ajudar indicando nome e propriedades e onde encontro para comprar?
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Dirson. Entre em contato no link abaixo para falar com nossos fitoterapeutas e informe qual o tamanho do cálculo, assim te orientamos qual melhor fitoterápico a ser usado e você pode comprar direto de nós. https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024 Artigo Hibisco é bom para quê? Desvende os benefícios! 23 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos