2022-03-14

10 Dicas de Fitoterápicos para Tendinite e Bursite

Utilizamos muito as mãos para trabalhar, seja em um escritório ou até mesmo em uma confeitaria. E não é raro bater aquela dor, não é? Várias pessoas sentem dores vindas da tendinite e da bursite, associadas a movimentos repetitivos. No informativo deste mês, vamos conferir quais são os sintomas, possíveis causas e como tratar com a ajuda de 10 ervas medicinais. Afinal, a gente merece maior qualidade de vida. Vamos lá?

 

Tendinite ou bursite? O que são?

Com expedientes longos, movimentos repetitivos e a dificuldade de exercitar os músculos, criamos as condições perfeitas para a tendinite e a bursite aparecerem. Sem contar, é claro, com o uso constante de tablets e celulares que podem impactar ainda mais no nosso corpo.

Mas vamos lembrar que tanto a tendinite quanto a bursite não aparecem só em quem trabalha muito em escritório e utiliza bastante as mãos e os braços, pois podem também acometer outras partes do corpo e atingir até mesmo atletas — sendo que é comum pensar que pessoas ativas são imunes a dores.

Tendinite e bursite em atletas

Então, como caracterizar a tendinite e a bursite? Tem diferença entre as duas?

Tanto uma quanto a outra são processos inflamatórios no corpo e, apesar de sintomas parecidos, não são a mesma coisa. O nome de cada uma já dá uma dica importante da diferença: tendinite é uma inflamação do tendão, enquanto a bursite é a inflamação da bursa.

As pessoas desenvolvem tendinite e/ou bursite geralmente nos membros que mais movimentam, por exemplo: atletas de corridas tendem a ter inflamações e lesões nas pernas, joelhos e quadris; já pintores terão maior probabilidade de desenvolver dores inflamatórias nos braços e ombros.

Vamos conferir alguns números relacionados a estes dois processos inflamatórios:

  • 1 em cada 100 pessoas sofre de tendinite, segundo a OMS;
  • 70% da população sofre de bursite ao menos uma vez durante a vida;
  • Idosos têm mais chance de desenvolver tendinite devido a processos degenerativos;
  • 28 de Fevereiro é o Dia Mundial de combate ao LER/DORT, o que evidencia o quanto Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho são comuns.

 

O que é bursa e bursite?

Muita gente sabe o que é um tendão e por isso consegue visualizar melhor de onde vem uma tendinite, mas e a bursa? As bursas são bolsas com líquido sinovial, que ficam entre estruturas como tendões, ossos e músculos; oferecendo menor atrito nos movimentos. Existem cerca de 70 bursas no nosso corpo. Quando o atrito é grande e/ou repetitivo, ela fica inflamada e pode até inchar, causando dor durante nossos movimentos ou até mesmo só apalpando os membros.

Tendinite e bursite imobilizar

Quais são as causas da tendinite e da bursite?

Como são dores inflamatórias que podem acometer várias partes do corpo — pois nós temos vários tendões e bursas no corpo inteiro — as causas da tendinite e bursite são multifatoriais, então não há uma causa única e específica para todos os tipos de tendinite e todos os tipos de bursite. Afeta o ombro, o pulso, o pé, o joelho, o quadril, etc.

No entanto, ainda vale a pena citar pontos em comum que influenciam no surgimento destas inflamações:

  • Movimentos repetitivos (seja no trabalho ou executando atividades de lazer)
  • Lesão repentina
  • Má postura
  • Sedentarismo
  • Problemas reumatológicos anteriores
  • Quantidade de peso inadequado durante a musculação na academia e/ou movimentos errados
  • Tensão muscular aguda decorrente de estresse intenso/prolongado

 

Com o aumento da modalidade home office, má ergonomia por ambiente inadequado para trabalho, tensão e sedentarismo intensificados devido a pandemia, surgiram as condições perfeitas para casos de tendinite e bursite. Além do trabalho repetitivo, o aumento de conferências por vídeochamada e longas horas na frente do computador ou notebook, muito do nosso lazer foi na frente das telas: filmes, séries, videogame, redes sociais no celular…

Até quem cozinha, pinta ou faz crochê utiliza muito as mãos em movimentos repetitivos. Incha o braço, incha a mão e a dor não demora a chegar. Mas será que é tendinite ou bursite mesmo?

Tendinite e bursite fisioterapeuta

Sintomas da tendinite e da bursite

É bem fácil perceber os sintomas de tendinite e bursite:

  • Inchaço
  • Dor nos pontos atingidos (seja tendão ou bursa)
  • Dificuldades de fazer movimentos rotineiros
  • Possível vermelhidão
  • Diminuição da força

 

Ou seja, são dores muito desconfortáveis e podem se tornar crônicas. O diagnóstico é realizado por profissionais e geralmente não é complexo. Mas caso necessário, médicos podem pedir exames de imagem (radiografia, ultrassom e ressonância) para um diagnóstico mais preciso, justamente para diferenciar a bursite da tendinite.

E como aliviar a dor, então?

 

Tratamentos de tendinite e bursite

O tratamento de tendinite e bursite pode ser muito simples, embora cada caso deva ser acompanhado por profissionais da área da saúde — que avaliarão individualmente o paciente para indicar o melhor tratamento possível, pois, dependendo da gravidade, podem ser necessárias sessões de fisioterapia ou até cirurgia.

Apesar de comuns, os dois processos inflamatórios necessitam de atenção, pois uma tendinite pode evoluir para uma ruptura do tendão, que é uma condição mais grave e mais demorada para sua recuperação plena.

Veja abaixo 7 opções para compor o tratamento da tendinite ou da bursite:

 

1 - Repouso

Um dos passos mais importantes! O repouso pleno ou, pelo menos, a diminuição considerável de movimentos é fundamental para alívio da dor e diminuição da inflamação. Em alguns casos, o membro pode ser imobilizado, embora isso necessite de avaliação e a imobilização não seja indicada por tempos prolongados para não fragilizar a musculatura. Se você trabalha em algum lugar que necessite de movimentos repetitivos associados à sua tendinite ou bursite, busque atendimento médico para orientação e pela possibilidade de afastamento, dependendo do seu caso.

 

2 - Compressa quente ou fria

O que aliviar a dor para o seu caso, pois ambas são válidas. Apenas tome cuidado para não se queimar, seja pelo calor ou pelo frio.

 

3 - Massagens

Pode ser recomendada com cuidado e mais de uma vez ao dia sobre o ponto onde dói, massageando até a absorção do produto (pomadas, géis ou cremes) pela pele. Recomenda-se que a massagem seja bem cuidadosa, se feita em casa. Fisioterapeutas e massoterapeutas podem oferecer massagens mais especializadas.

Massagem para tendinite e bursite

4 - Remédios

Uso de anti-inflamatórios e analgésicos — Evite o excesso e busque orientação médica!

 

5 - Fisioterapia

Depende do caso e da disponibilidade do paciente. De preferência, trabalha-se a musculatura depois que ela desinflamou, justamente para não causar estresse no corpo e retornar a inflamação. Os exercícios passados na fisioterapia visam fortalecer os membros e prevenir dores futuras.

 

6 - Choques terapêuticos

Ortopedistas podem oferecer tratamento com ondas de choque terapêuticas, que são diferentes daquele "choque" da fisioterapia. A onda de choque que estamos falando aqui é a TOC, uma onda acústica; enquanto a aplicada na fisioterapia é a TENS, uma corrente elétrica. A TOC é indicada para aliviar a dor por mais tempo e reparar lesões nos tecidos. Por ser mais específica, necessita-se da avaliação de um ortopedista especializado.

 

7 - Mudança de hábitos

Sofrer pela tendinite e pela bursite afeta muito a nossa qualidade de vida! E para melhorar, temos que fazer a nossa parte: Opte por posturas e móveis mais adequados, respeitando sua saúde e noções básicas de ergonomia. Faça pausas periodicamente e incentive a ginástica laboral no seu trabalho!

 

É claro que existem casos graves que podem precisar de tratamentos mais intensos. Falando das bursas, pode-se ainda aspirar o líquido acumulado nestas estruturas através de uma seringa. Se o caso for mais grave, existe a opção de remoção da bursa - mas esse é um último recurso. A tendinite também pode ser tratada através de cirurgias, mas também não é encarada como a primeira opção por profissionais da saúde.

Tendinite e bursite imobilizar medica

10 Dicas de Fitoterápicos para Tendinite e Bursite!

Todas as orientações gerais passadas anteriormente são valiosas para tratar a tendinite e a bursite! Reforça-se que o acompanhamento de profissionais da saúde também é muito importante para uma recuperação eficaz, mas existem ainda outras dicas para deixar o processo mais ágil. Então que tal apostar na ajuda da natureza?

Há ervas que auxiliam no tratamento da dor, agindo como anti-inflamatórios. Confira a lista de fitoterápicos que costumam ser mais utilizados no tratamento de tendinite e bursite:

1- Canela de Velho — Tem efeitos anti-inflamatórios e antinociceptivos, diminuindo a sensação de dor no corpo. Além de aliviar dores da tendinite e da bursite, é indicada para casos de artrose e artrite. (ver produto)

2 - Erva Baleeira — É uma erva versátil com propriedades anti-inflamatórias e analgésicas, indicada para nevralgias, reumatismos e tendinites! Existe também a opção de Creme de Erva Baleeira Composto, excelente para massagear onde dói. (ver produto)

3 - Boswellia — Indicada para combater processos inflamatórios e artrite. Assim, reduz-se a inflamação de tendinites e bursites e aumenta a mobilidade do corpo. (ver produto)

4 - Sucupira — É bem conhecida por suas várias propriedades medicinais, incluindo as ações anti-inflamatórias, antinociceptivas e anti-reumáticas. Portanto é indicada para dores articulares e dores inflamatórias, como a tendinite e a bursite. (ver produto)

5 - Cúrcuma - Tem capacidade anti-inflamatória, pois inibe a atividade de moléculas responsáveis pela mediação da dor e inflamação. O principal responsável pela ação anti-inflamatória é a curcumina da Cúrcuma. (ver produto).

6 - Unha de Gato — Possui efeitos anti-inflamatórios, aliviando dores musculares e reumáticas; indicada para desinflamação de tendinites e bursites também. Não apresenta efeitos hepatotóxicos. (ver produto)

7 - Ipê Roxo — Conhecido por efeitos analgésicos e anti-inflamatórios, o ipê roxo é usado para tratar dores musculares e inflamações osteoarticulares, ajudando no alívio das dores inflamatórias de tendões e bursas. (ver produto)

8 - Garra do Diabo — Assim como as outras plantas nesta lista, a Garra do Diabo é anti-inflamatória e usada para tratar artrites, artroses, dores na coluna, traumas, tendinites e fibromialgia. (ver produto)

9 - Arnica Montana — Combina ações anti-inflamatórias e analgésicas, auxiliando em casos de tendinites causadas por traumas ou movimentos repetitivos. Uso interno e externo.(ver produto)

10 - Salgueiro — Também possui ação anti-inflamatória e analgésica; recomendada para para dores reumáticas em geral, tendinite e bursite. (ver produto)

 

Esperamos que tenha gostado do nosso informativo! Tanto a tendinite quanto a bursite (que geralmente andam juntas) se tornam dores incapacitantes quando não tratadas, gerando muito desconforto e impacto na nossa vida. Então, por que não tratar? Vamos cuidar mais da nossa saúde e garantir maior vitalidade em nossa vida! Se você tem tendinite e/ou bursite, aproveite essas dicas e conte com a ajuda dos fitoterápicos.

E se sobrou alguma dúvida, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

Alongamento para tendinite e bursite

Bibliografia

https://saude.abril.com.br/medicina/o-que-e-bursite-e-qual-seu-tratamento/

https://ortopediahmt.com.br/desvendamos-4-mitos-e-verdades-sobre-tendinite/

https://saude.abril.com.br/coluna/com-a-palavra/por-que-tanta-gente-tem-tendinite-e-como-evitar/

https://ortopedistajoelho.com.br/blog/quando-a-bursite-nao-melhora-as-ondas-de-choque-podem-ajudar/

https://www.ceddi.com.br/artigos-noticias/94-bursite-x-tendinite-qual-a-diferenca

https://www.reumatologia.org.br/orientacoes-ao-paciente/tendinites-e-bursites/

https://www.renantakemura.com.br/compressa/

https://ortopedistaemsaopaulo.com.br/terapia-ondas-choque/

http://www.ortopediabr.com.br/tendinite/

Comentários


  • Zélia Maria Melo
    Excelente explicação orientação de fitoterápicos.
    Gratidão.
    ⇒ Oficina de Ervas:
    Olá, Zélia

    Ficamos felizes que tenha gostado das dicas e informações.

    Você pode entrar em contato conosco sempre que precisar.

    https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta

    Estamos à disposição.

Deixe seu comentário sobre:
10 Dicas de Fitoterápicos para Tendinite e Bursite