Graviola

Preço Especial A partir de R$ 6,90

Disponível

Resumo:

Pague em até 6 x s/juros, Aproveite! Graviola para controle de diabete, também tem ação anti-tumoral. Graviola em cápsulas, tintura, extrato e chá. Clique aqui e saiba mais sobre a Graviola.
Ver descrição completa

Fórmula Magistral Unitário Quantidade  

Chá 30g

R$ 6,90  

Tintura 60mL

R$ 33,00  

90 cápsulas de 300mg

R$ 42,00  

Extrato Fluido 60mL

R$ 45,00  

Veja para que serve Graviola

Graviola (Annona muricata)

AÇÃO E INDICAÇÃO:

Auxilia no controle de diabetes. Anti-tumoral.

Não existe evidência definitiva para mostrar que a Graviola funciona como a cura para o câncer. Entretanto, em alguns estudos de laboratórios, os extratos de Graviola foram capazes de eliminar alguns tipos de células de câncer de fígado e câncer de seio que normalmente são resistentes a algumas drogas quimioterápicas específicas. Os estudos mostraram ainda que, ao contrário destas drogas, a Graviola atacava as células doentes, mas não danificava as saudáveis.

Veja reportagem do matéria do Globo Reporter falando sobre as pesquisas relacionadas sobre a Graviola e Câncer.

FORMAS UTILIZADAS:

- Cápsula (pó da planta);

- Tintura (líquido);

- Extrato Fluido (líquido);

- Chá (rasura).

Graviola (Annona muricata)

Desta vez estaremos abordando uma planta exótica, lembrando que planta exótica é aquela que não é nativa do local, neste caso uma planta nativa da região centro-americana e Antilhas. Estamos falando da famosa graviola, arbórea que pode atingir até 8 m de altura, possuindo folhas oblongas brilhantes medindo cerca de 15 cm de comprimento. Seu fruto pode chegar até a 35 cm de comprimento, com polpa branca, meio que gosmenta, mas muito saborosa. Fruta muito empregada no nordeste para a fabricação de sorvetes e sucos, recentemente tem sido muito procurada por sorveterias da nossa região. Esta planta se aclimatou muito bem em todo território brasileiro, mas seu cultivo comercial se localiza na região nordeste, local onde melhor se adaptou.

A literatura relata uma infinidade de aplicações populares para determinadas partes deste vegetal, mas a maioria destes conhecimentos ainda não foi comprovado cientificamente pela falta de estudos. Independente disto, a população vem se utilizando de seus benefícios já há muito tempo. O decocto de suas folhas amassadas em um pilão tem sido empregado nos caso de espasmos e diarréia. As sementes podem ser indicadas para provocar vômitos nos casos de intoxicação, além de possuir uma ação adstringente. A casca possui uma ação espasmolítica e é muito empregada para o controle da diabetes. Recentemente divulgou-se que o chá de suas folhas possuía uma ação emagrecedora, mas até o momento não se chegou a nenhuma informação científica que comprove tal ação. Até o momento não se conhece nenhuma atividade terapêutica para o fruto.

Mas o motivo deste artigo é para falar de uma recente descoberta, a aplicação das folhas da graviola como agente anticancerígeno. Um grande laboratório americano investiu muito tempo e recursos na pesquisa de sua eficácia no tratamento de diversos tipos de carcinomas e comprovou a eficácia em vários deles. Estudos fitoquímicos mais profundos mostraram a existência de muitos grupos químicos já conhecidos com grande atividade antitumoral. Só para dar um exemplo de seu potencial: existe uma substância química do grupo das acetogeninas que mostrou intensa atividade contra o adenocarcinoma do intestino grosso numa concentração 10.000 vezes menor do que a adriamycina, quimioterápico usado comumente para este tipo de tumor. Descobertas como esta têm provocado uma grande procura por folhas de graviola pelo mercado mundial de produtos naturais. Aqui no Brasil a procura tem sido pelo extrato fluido, que é uma fórmula farmacêutica que apresenta uma grande concentração de princípios ativos. Informações como estas mostram a grande capacidade destas plantas maravilhosas em nos auxiliar nos processos de cura.

Ademar Menezes Junior

Pague em até 6 x s/juros, Aproveite! Graviola para controle de diabete, também tem ação anti-tumoral. Graviola em cápsulas, tintura, extrato e chá. Clique aqui e saiba mais sobre a Graviola.

Graviola  Diabete  Anticancerígeno  Muricata  Anti-tumoral  Annona muricata  Diabetes  Hiperglicemia  Câncer  Antitumural  Crajiru com graviola  Antitumoral 

Deixe sua avaliação

Avaliações de clientes reais

Os resultados e indicações referentes ao uso desse produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante deste insumo farmacêutico (Informe Cientifico do fornecedor).

Não garantimos os resultados descritos, estes variam de pessoa para pessoa dependendo de diversos fatores como alimentação, prática de exercícios físicos, presença de outras patologias, bem como, o uso correto do produto conforme descrito na posologia.

- Produto adjuvante e suplemento alimentar. A prática de atividade física regular e bons hábitos alimentares são imprescindíveis para manutenção da saúde;

- A(s) imagen(s) que indica(m) o(s) produto(s) é (são) meramente ilustrativa(s), sem nenhuma alusão técnica e/ou científica;

- De acordo com as normas da Anvisa, todo produto deve ser manipulado de acordo com o pedido do comprador, portanto será manipulado após o recebimento e aprovação do nosso farmacêutico;

- Trata-se de descrição do produto e não propaganda. Somos uma Farmácia de manipulação. Portanto, os produtos naturais anunciados neste site serão produzidos sob encomenda;

- Não faça uso de medicamentos ou produtos sem orientação de um profissional médico ou farmacêutico;

Aproveite as formas de comunicação do nosso site e saiba mais detalhes com nossa equipe farmacêutica:

Por e-mail: farmacia@oficinadeervas.com.br
Telefone: (16) 2133-4455
WhatsApp: (16) 98234-0111

- Se persistirem os sintomas, o médico ou farmacêutico deverá ser consultado;
- Evite a automedicação. O medicamento mesmo livre de obrigação de prescrição médica merece cuidado.
- As indicações postas não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto;
- Consulte sempre um especialista;
- As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico do profissional farmacêutico e nos laudos de aquisição dos produtos junto aos fornecedores autorizados pela Anvisa.

Os medicamentos sob prescrição só serão dispensados mediante apresentação de prescrição de profissional habilitado ou cópia digital;

1- Mantenha todo e qualquer medicamento ou produtos para adultos longe do alcance de crianças;
2- Manter esse produto longe de fontes de umidade, calor, luz ou eletromagnéticas. Temperatura de melhor conservação: 15 a 30º C;
3- Não partir ou mastigar esse produto;
4- Tomar sempre com quantidades generosas de líquido;
5- Mantenha seus exames médicos em dia. A ação de fitoterápicos orais pode ser alterada em portadores de problemas de tireoide, síndrome metabólica, obesidade mórbida entre outros.
6- Exercite-se regularmente e alimente-se com bom senso. Isso garante a manutenção de sua saúde a longo prazo;
7- Não use nenhum produto com o prazo de validade vencido;
8- Mulheres grávidas ou amamentando e crianças devem consultar médico ou farmacêutico antes de utilizar este produto;
9- Os fitoterápicos, de maneira geral, possuem efeitos terapêuticos mais suaves, o que pode explicar a redução dos efeitos colaterais. Porém, alguns efeitos colaterais não descritos na literatura podem ocorrer;
10- Pessoas com hipersensibilidade às substâncias contidas na formulação não devem ingerir o produto;
11- Em caso de hipersensibilidade, recomenda- se interromper o uso e consultar o médico.

ATENÇÃO:

É permitida às farmácias e drogarias a entrega de medicamentos por via postal desde que atendidas as condições sanitárias que assegurem a integridade e a qualidade dos produtos, conforme legislação vigente.

O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário o direito à informação e orientação quanto ao uso de medicamentos solicitados por meio remoto.

RDC 44 de 17 de agosto de 2009

A dispensação de plantas medicinais é privativa das farmácias e ervanarias, observados o acondicionamento adequado e a classificação botânica e adequada orientação de profissional da saúde.

As embalagens não podem ter alegações terapêuticas.

(Lei 5991/73)

Mais Procurados