Dente de Leão: para que serve e benefícios

Você já soprou um Dente de Leão? É bem provável que sim, mas não confunda uma planta chamada serralhinha com o Dente de Leão! Afinal, o Dente de Leão é mais cultivado na Europa e seu uso medicinal é mais consolidado. E você sabe que ela pode ajudar na sua saúde hepática? Também dá para incluir na alimentação! Neste artigo, você verá para que serve o Dente de Leão e todos os seus benefícios!

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

O que é Dente de Leão?

A flor do Dente de Leão é tão bonita que é ilustrada em livros, faz parte de superstições leves (como fazer um pedido ao soprá-lo!) e até serve de inspiração para tatuagens. E essa planta é tão versátil que pode ainda aparecer na sua vida de outras formas: serve na alimentação e também nos cuidados com a saúde, como no tratamento de gordura no fígado.

Aqui no Brasil, a gente encontra uma florzinha silvestre que parece Dente de Leão, mas não é a mesma espécie que estamos falando. Essa flor comum aqui é o algodão-de-preá, emília ou serralha-falsa, de nome científico Emilia fosbergii (L.) Benth. Já o Dente de Leão possui outro nome científico: Taraxacum officinale, da família botânica Asteraceae.

O Dente de Leão cresce mais do outro lado do Atlântico, nativo da Europa e da Ásia. E mesmo sendo considerada uma erva daninha lá, também tem usos medicinais e culinários. Foi naturalizada em outros territórios, na América do Norte e outros locais com climas amenos, como algumas regiões da América do Sul, Sul da África, Austrália, Índia e Nova Zelândia.

Trata-se de uma planta herbácea que cresce até 50 centímetros, com uma raiz grossa e de cor marrom por fora, mas branco leitoso por dentro. O caule, por sua vez, tem tonalidades avermelhadas e uma roseta de folhas bem verdinhas irradiam da base.

Essas folhas podem ter a borda bem "denteada", ou seja, com uma aparência mais recortada. E é essa característica que deu origem ao nome curioso dessa planta em francês: "dent de lion", cujo significado literal é Dente de Leão mesmo. Mas também em francês, hoje ela tem outro nome popular: “pissenlit”, que pode ser traduzido para... "urinar na cama", em referência às suas propriedades diuréticas.

Sua flor amarela tem a cor intensa e atrai abelhas, sendo muito rica em néctar e, por conta disso, importante para produção apícola. Pela sua beleza, serve também para fins ornamentais, embora prefira climas mais frios. A estrutura que se forma depois ajuda na proliferação da planta pelo vento e até os humanos ajudam nisso, soprando o Dente de Leão.

Em português, essa planta tem outros nomes não muito populares, mas que você pode se deparar também: Taraxaco, Alface de Cão, Alface de Coco, Coroa de Monge, Frango, Quartilho, Amor dos Homens e Chicória Louca. O último, Chicória Louca, também revela um ponto importante da planta: assim como a chicória que a gente conhece, o Dente de Leão também é amargo. Mas é um amarguinho do bem!

Afinal, ela faz um bem danado para a saúde.

Outra curiosidade sobre seu amargor é seu nome científico: Taraxacum deriva de uma palavra árabe, tarakhshagog (ou tarakhshaqūn), que é usada para “planta amarga”. A etimologia também pode se relacionar com o grego tarasso (ταρασσω), traduzida como "inquietar”, perturbar — fazendo possivelmente relação com a capacidade laxativa da planta, inquietando o intestino. As descrições medicinais do Dente de Leão foram feitas pelos árabes no século XI, sendo utilizada de forma ampla na Europa no século XVI justamente para problemas hepáticos.

Agora que você sabe mais sobre a história dessa planta tão querida, veja mais detalhes sobre seu uso medicinal!

 

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

Dente de Leão: para que serve

O Dente de Leão serve principalmente para a saúde do fígado, mas também auxilia no metabolismo de gorduras no corpo — e por isso, ajuda no colesterol e doenças cardiovasculares relacionadas. E mais: por ser digestiva e depurativa, pode ajudar na digestão e nas afecções cutâneas.

Na fitoterapia, praticamente todas as partes do Dente de Leão podem ser utilizadas, incluindo as raízes. Porém, é mais comum se consumir as partes aéreas. Por isso, os produtores colhem flores e folhas primeiro e depois as raízes, caso exista mercado disponível para isso.

Em geral, seus componentes são:

 

O Dente de Leão possui ações:

 

Ele é vendido na forma de cápsulas, tintura e folhas para chá. Se você tem dúvidas de onde encontrar a melhor opção de fitoterápico para você, não se preocupe! A Oficina de Ervas tem várias versões para você escolher.

 

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

E quais são as indicações de uso do Dente de Leão?

O Dente de Leão pode ser utilizado para diversas finalidades, como:

 

Até o momento, os principais indicados como responsáveis pelas ações do Dente de Leão são o taraxaco, taraxina e taraxacosídeos, que aumentam a secreção de sucos salivares e gástricos, também estimulando a liberação de bile. E é claro, a bile é importantíssima para a digestão de gorduras e vitaminas, também participando na eliminação de resíduos presentes no sangue.

Por isso, o Dente de Leão tem essas indicações de uso muito relacionadas: com a melhora da produção de bile e funcionamento do fígado, as gorduras e resíduos no corpo são metabolizados bem — isso ainda sem mencionar a melhora da digestão ou dos efeitos diuréticos. Em sequência, quadros de flatulencias, constipação, hepatites e afecções cutâneas são atenuados.

Mas atenção: Quadros de esteatose hepática, também conhecida como gordura no fígado ou fígado gorduroso, merecem muita atenção. Existem outras ações importantes no estilo de vida para melhorar a gordura no fígado. O Dente de Leão pode ajudar, mas existem outros detalhes. Clique aqui para ler o informativo "Gordura no Fígado: É grave? Veja sintomas e 4 opções de tratamento natural".

 


Dosagem usual recomendada

A dosagem usual depende do quadro da sua saúde — que tipo de condição você está buscando tratar — e a forma que você prefere consumir o Dente de Leão. Afinal, esta planta é muito versátil e permite diferentes usos, por exemplo em cápsulas ou tintura. Converse com nossos fitoterapeutas sobre seu caso e não deixe a sua saúde de lado! Entre em contato com um de nossos fitoterapeutas clicando aqui. Assim, ficará mais fácil entender como tomar o Dente de Leão da melhor forma.

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

Dente de Leão emagrece?

O Dente de Leão, por si só, não possui propriedades específicas que reduzam taxas de lipídios depositados em excesso no tecido adiposo no corpo, apenas ajuda no controle de colesterol e triglicérides porque melhora o metabolismo do fígado. São gorduras com características diferentes.

Também vale lembrar que os estudos mais populares que envolvem o Dente de Leão e emagrecimento foram feitos com roedores, então existe a possibilidade de ocorrer resultados diferentes humanos.

Ainda assim, ele pode fazer parte de jornadas de emagrecimento por alguns fatores indiretos: através de sua atividade digestiva, melhora das funções hepáticas e a leve ação diurética, por consequência, facilitando o funcionamento do intestino. Assim, o Dente de Leão pode melhorar a evacuação e a manutenção de peso, também eliminando retenção de líquidos por sua ação diurética.

No entanto, essa planta não é capaz de emagrecer o corpo sem uma rotina saudável. Ela pode ser parte do seu cotidiano através de chás, por exemplo, e promover sua saúde porque tem antioxidantes, vitaminas e minerais e é esperado que o consumo possa trazer mais saciedade. Há benefícios de trazer essa planta para sua rotina, apenas é importante manter em mente que as jornadas de emagrecimento envolvem outras medidas.

E por isso, o tratamento inclui uma série de medidas: atividade física, alimentação saudável com déficit calórico, acompanhamento psicológico e um possível auxílio farmacológico. O uso de produtos (naturais ou não) com o objetivo de emagrecimento pode servir de estímulo para de resultados positivos para pacientes aderirem melhor ao seu tratamento completo.

Não se esqueça de manter expectativas reais sobre o tempo que leva até alcançar esse objetivo e também não se compare com imagens na internet. Existe muita coisa editada por aí! Traçar expectativas reais é fundamental para não cairmos em outras armadilhas, como transtornos alimentares e excesso de atividades físicas.

Você pode conferir mais informações e dicas de ervas indicadas para emagrecimento no nosso informativo também: É só clicar aqui para conferir 7 Dicas de Emagrecimento Saudável com Plantas.

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

Como fazer o chá de Dente de Leão?

O método de preparo desse chá é a infusão, que é o método de preparo que utiliza as partes mais delicadas das plantas, como flores e folhas. É uma opção prática e que traz alívio nessa má digestão, principalmente quando consumido quentinho. Para preparar, basta adicionar água fervente sobre a erva, tampar o recipiente e deixar em repouso por aproximadamente 5 minutos. Depois, basta coar e consumir.

Para o chá de Dente de Leão, a proporção é de 5g da erva para cada xícara (250ml) de água. Além da tintura e das cápsulas, nós oferecemos essa opção de chá aqui na Oficina de Ervas!

 

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

Dente de Leão: efeitos colaterais e contraindicações

De modo geral, o consumo de Dente de Leão é bem tolerado; tanto que se trata de uma PANC (Planta Alimentícia Não Convencional), ou seja, é comestível e usado em saladas, sucos e refogados. Efeitos colaterais, quando ocorrem, variam entre náusea, vômitos, diarreia, hipotensão e hiperacidez gástrica.

E, embora seja bem popular e de uso seguro nas dosagens recomendadas, o Dente de Leão necessita de cuidados básicos de consumo, pois tem mais de uma contraindicação:

 

Lembre-se de buscar orientação profissional para uma indicação correta e manter o uso de acordo com a posologia recomendada!

 

Comprar Dente de Leão (Taraxacum officinalis)

Dente de Leão: preço e onde comprar

Você pode comprar Dente de Leão no nosso site, clicando aqui.

Em caso de dúvidas, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

 

 

Referências

https://www.saude.df.gov.br/documents/37101/1118391/FOLHETO-DENTE-DE-LEÃO.pdf/eff4c11c-8b04-c92a-4bd9-7e4480d787d6?t=1652136748544#

https://www.healthline.com/nutrition/dandelion-benefits

https://health.clevelandclinic.org/dandelion-tea-benefits

https://floradesantacatarina.wordpress.com/asteraceae/emilia-fosbergii/

https://fr.wikipedia.org/wiki/Pissenlit

https://en.wikipedia.org/wiki/Taraxacum_officinale

http://www.matosdecomer.com.br/2014/08/a-farsa-da-abundancia-e-tudo-mesma-coisa.html

https://hortodidatico.ufsc.br/dente-de-leao/

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

• LESELY GONÇALVES VIEIRA SILVERIO VITRAL
Tenho tireoidite crônica, qual chá é mais recomendado para este caso, sou cardíaca, faço uso de medicamentos: AAS, atenolol, Zart e Rosuvastatina, Vitamina d, k e b12.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Lesely. Precisamos entender se o problema que você tem na tireoide é o hipotireoidismo ou hipertireoidismo. Você pode estar entrando em contato com os nosso fitoterapeutas através dos links abaixo para maiores informações. https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta https://www.oficinadeervas.com.br/zap Estamos à disposição


Artigo Dilênia ou Maçã de Elefante? Entenda os benefícios do uso medicinal dessa planta! 16 Jul 2024 Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos