A Bardana (Arctium lappa) é originária da Europa, é conhecida popularmente como gobô, erva-dos-tinhosos, pegamassa, carrapicho-de-carneiro e carrapicho-grande. A bardana pode crescer de 50 cm a 2 m de altura e produz um caule robusto, com folhas grandes, de coloração verde.

Os gregos já a utilizavam para tratar de inúmeras doenças. As folhas possuem poderes bactericidas e são bastante requisitadas para tratamento de doenças de pele - fama conseguida em um episódio no qual as folhas da bardana salvaram o rei Henrique III, da França, de uma doença cutânea. 
Os curandeiros tradicionais da China usavam a raíz da bardana em combinação com outras plantas para curar resfriados, sarampo e dor da garganta. Os chineses também a utilizavam como afrodisíaco, no tratamento da infertilidade e a impotência.
Até hoje a Bardana é muito utilizada como alimento. A culinária que mais utiliza e difunde o consumo da planta é a japonesa, na qual podemos encontrar pratos típicos tendo o vegetal como base.
De acordo com nutricionistas, a raiz da bardana apresenta qualidades como o fornecimento de proteínas, glicídios, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, vitamina B1, riboflavina e niacina, além de ser uma rica fonte de sais minerais. 
A riqueza dessa planta está no largo expectro de seu uso, pois além de ser um alimento muito rico, é utilizada como planta medicinal para tratamentos de fígado, nos casos de hepatites e cirrose, além de cálculos biliares. 
Seu uso como depurativo, para purificar o sangue também é bastante conhecido, tratando problemas de gota, ácido úrico, pele acneica, furunculoses e seborrías, sendo usadas suas raízes em decocção, cápulas ou extrato. As raízes também tratam doenças reumáticas, sendo excelente antiinflamatório para artrite; problemas renais e digestivos.
Para o uso externo, o extrato da raiz pode ser usada no preparo de pomadas, cremes, loções capilares e shampoos, pois ela possui ação para eczemas, queda de cabelos, seborréias e outros problemas da pele.
A Bardana é atualmente cultivada no Brasil e suas raízes são comercializadas em feiras e lojas especializadas em culinária japonesa.
Esta é mais uma das plantas com seus inúmeros benefícios, que a natureza nos ofereceu.
"Que seu Alimento seja seu Remédio, que seu Remédio seja seu Alimento" (Hipócrates - Filósofo Grego)

A Bardana (Arctium lappa) é originária da Europa, conhecida popularmente como gobô, erva-dos-tinhosos, pegamassa, carrapicho-de-carneiro e carrapicho-grande. A bardana pode crescer de 50 cm a 2 m de altura e produz um caule robusto, com folhas grandes, de coloração verde.

Os gregos já a utilizavam para tratar de inúmeras doenças. As folhas possuem poderes bactericidas e são bastante requisitadas para tratamento de doenças de pele - fama conseguida em um episódio no qual as folhas da bardana salvaram o rei Henrique III, da França, de uma doença cutânea. 

Os curandeiros tradicionais da China usavam a raiz da bardana em combinação com outras plantas para curar resfriados, sarampo e dor da garganta. Os chineses também a utilizavam como afrodisíaco, no tratamento da infertilidade e impotência.

Até hoje a Bardana é muito utilizada como alimento. A culinária que mais utiliza e difunde o consumo da planta é a japonesa, na qual podemos encontrar pratos típicos tendo o vegetal como base.

De acordo com nutricionistas, a raiz da bardana apresenta qualidades como o fornecimento de proteínas, glicídios, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina A, vitamina B1, riboflavina e niacina, além de ser uma rica fonte de sais minerais. 

A riqueza dessa planta está no largo expectro de seu uso, pois além de ser um alimento muito rico, é utilizada como planta medicinal para tratamentos de fígado, nos casos de hepatites e cirrose, além de cálculos biliares. 

Seu uso como depurativo, para purificar o sangue também é bastante conhecido, tratando problemas de gota, ácido úrico, pele acneica, furunculoses e seborréias, sendo usadas suas raízes em decocção, cápulas ou extrato. As raízes também tratam doenças reumáticas, sendo excelente anti-inflamatório para artrite, problemas renais e digestivos.

Para o uso externo, o extrato da raiz pode ser usado no preparo de pomadas, cremes, loções capilares e shampoos, pois ela possui ação para eczemas, queda de cabelos, seborréias e outros problemas da pele.

A Bardana é atualmente cultivada no Brasil e suas raízes frescas são comercializadas em feiras e lojas especializadas em culinária japonesa.

Esta é mais uma das plantas com seus inúmeros benefícios, que a natureza nos ofereceu.

"Que seu Alimento seja seu Remédio, que seu Remédio seja seu Alimento"                    (Hipócrates - Filósofo Grego - 460 a.C. - 370 a.C.)

Por: Eliza Harada

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

• HERNANI DOS SANTOS JUNIOR
Não conheci está planta fiquei muito interessado em saber de suas milagrosa benfeitorias onde posso encontrar ?
⇒ Oficina de Ervas: Oi Hernani. Essa planta faz parte da culinária japonesa e é chamada também por gobô. As raízes são vendidas em feiras e mercados onde tem população de origem nipônica. Tanto as folhas quanto as raízes possuem propriedades depurativas, mas como alimento, são usadas as raízes. Pode fazer o chá das raízes ou consumir refogado. Essa planta serve para tratar problemas de pele, furúnculos, acnes, ácido úrico elevado e outros problemas de intoxicação. Caso queira orientações de nossos fitoterapeutas, entre em contato conosco pelo email farmacia@oficinadeervas.com.br ou pelo whats (16)98234-0111. Estamos à disposição.


• Soraya
Obrigada, quero elogiar o trabalho de vocês. As informações aqui são com uma riqueza de detalhes dá para qualquer pessoa, por mais leiga que seja entender e geralmente isso torna a busca por ajuda para cuidar da saúde mais fácil. O que achei mais incrível é o fato de que as informações estão disponíveis para todos, mesmo para quem não é ou se torna clientes de vocês, isso é de uma generosidade fantástica!! Assim como vocês recebem do CRIADOR do Universo toda matéria prima, que ELE criou justamente para esse fim "alimentação e cuidados de toda humanidade" vocês generosamente dividem toda ciência que possuem em forma de informações. Obrigada e elogios a toda equipe envolvida, aplausos a pessoa que iniciou esse projeto, pois sei que primeiro foi uma idéia, que se transformou num sonho que virou um projeto e tem muita luta envolvida e hoje eu vim aqui pra te dizer que VALEU a pena cada empenho viu, não sou uma pessoa de destaques e nem posses, mais aprendi com DEUS, e com a vida a demonstrar gratidão pelas coisas que recebo por isso mesmo que eu no momento não tenho condições de me tornar cliente assídua de vocês achei que seria importante deixar vocês cientes de que está valendo muuuito tudo isso, parabéns e obrigada!!👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏👏
⇒ Oficina de Ervas: Olá Soraya. Você não imagina a imensa alegria que senti ao ler o seu depoimento. Não esperava por um presente desse tamanho nessa segunda-feira... Não tenho palavras para expressar a minha gratidão, e sinto mesmo que valeu a pena cada empenho desde que nasceu o nosso sonho. Peço a DEUS que ele abençoe você e todas as pessoas de bem, pois são essas pessoas que dão esperança de tempos melhores ao nosso mundo. Um grande abraço e a minha gratidão como proprietária e de toda a nossa equipe, pois eles dividem comigo essa vontade e esse sonho de um mundo melhor!


• Thereza Roberta
Como usar a bardana no alimento?
⇒ Oficina de Ervas: Oi Thereza. A bardana é muito usada na culinária oriental. Tem algumas receitas que costumo fazer. Vou deixar aqui um link: https://culinaristico.com.br/receitas/kimpira-gobo Além dessa forma, também é usado em ensopados com cenoura, broto de bambu, inhame e algas. Na internet você encontra outras receitas. Estamos à disposição.


• Adenir de Freitas
Eu plantei na minha horta e naceu ta muito bonita essa planta, como posso consumir como alimento e a tais que agente come ou a Folha e como prepara.
⇒ Oficina de Ervas: Olá Adenir. A parte comestível são as raízes. As folhas são usadas como fitoterápico pela ação depurativa. No cultivo da Bardana como alimento, geralmente você precisa preparar o solo propiciando o crescimento da raiz em profundidade. Tem geralmente para vender em feiras e lojas de produtos orientais. Depois essa raiz pode ser colhida e usada no preparo de alimentos, como refogados e sopas. Ela é muito usada em pratos orientais. Tem algumas receitas que costumo fazer. Vou deixar aqui um link: https://culinaristico.com.br/receitas/kimpira-gobo Além dessa forma, também é usado em ensopados com cenoura, broto de bambu, inhame e algas. Na internet você encontra outras receitas. Estamos à disposição.


• José Cretella Neto
Como e onde consigo comprar a bardana ?
⇒ Oficina de Ervas: Olá José. Temos a Bardana para uso medicinal aqui em nossa farmácia. Deixo o link: https://www.oficinadeervas.com.br/bardana. Temos na forma de cápsulas, tintura e extrato fluido. Se você quiser usar na alimentação, então procure a raiz em lojas de produtos orientais ou em feira livre. Estamos à disposição.


• Dilmar
A folha tem o mesmo efeito da raiz?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Dilmar. Ambas possuem o mesma ação.A Bardana possui ação depurativa, indicada para tratamento de ácido úrico, furúnculos, abcessos, acnes e outros problemas de pele.Qualquer duvida entre em contato conosco através do e-mail farmacia@oficinadeervas.com.br. Estamos a disposição.


• Andrea
Uso a bardana na culinária há décadas e apreciamos muito. Uso a tintura da Oficina de Ervas há anos e os resultados sempre foram maravilhosos. Recomendo a associação com outras tinturas pois a sinergia é fantástica. Grata pelo bom atendimento online todos estes anos como cliente.
⇒ Oficina de Ervas: Olá Andréa. Ficamos muito felizes com seu depoimento. Nós que somos gratos pela confiança é um prazer te-la como cliente . Estamos a disposição.


• Leandro
Onde Achar a folha da bardana
⇒ Oficina de Ervas: Oi Leandro. É difícil achar as folhas, mas você pode encontrar as raízes em lojas de produtos orientais, pois são usadas na culinária japonesa. A ação é a mesma.


• Fabio Souza
O chá das raiz feito com pouco de gordura d frango derretida aquela gordura mais amarela serve pra bronquite dois dias de chá nunca mais tem bronquite ... E serve para tratar tosses ...
⇒ Oficina de Ervas: Oi Fábio. Agradeço pela informação. Abraços


• Samia
Tive uma crise de dor intensa, e descobri q tenho pedra na vesícula e preciso operar. Mais por conta dessa Pandemia me desesperei um pouco com receio de ter q ir pra um hospital. Fui pesquisar um chá anti inflamatório para vesícula e achei a bardana. Tomei exatos 3 dias,3 xícaras por dia,e cá estou,sem dor,sem crises,graças a Deus é ao chá de Bardana.
⇒ Oficina de Ervas: Samia, bom dia. Como é bom saber que o chá de Bardana conseguiu aliviar as dores mas é importantíssimo seguir as orientações do seu médico. Ficamos a disposição.


• RITA RUFINO
BOA TARDE! GOSTARIA DE SABER SE AS FOLHAS TEM O MESMO EFEITO DA RAIZ. POIS QUERO MISTURAR A BARDANA COM O BOLDO PARA FAZER UM CHA PARA VESICULA BILIAR. E SO ENCONTRO PARA VENDER FOLHAS E RAIZ MISTURADAS. OU SO FOLHAS.
⇒ Oficina de Ervas: Oi Rita. As folhas e as raízes da bardana possuem o mesmo efeito depurativo. Pode fazer o chá com a parte que encontrar. Qualquer dúvida, entre em contato conosco.


• Zé
Gostei do artigo, eu acho na feira livre a raiz fresca, costumo bater um pedaço dela com água no liquidificador, me alivia o reumatismo, gostaria de saber se ela serve pra diabete tipo 2 pois ouvi falar que sobe o açúcar no sangue
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Existe plantas que tem uma ação melhor para controlar o açúcar no sangue do que a Bardana como por exemplo a Gimena. Para maiores informações peço que entre em contato pelo e-mail farmacia@oficinadeervas.com.br


• Luciene
Aprendi a comer gobo ainda na infância. Filha de médicos e com muitos amigos japoneses, meus pais introduziram desde muito cedo na nossa alimentação. Atualmente, como o gobo cozido em água e sal, como aperitivo. Mamãe preparava com carne, ao molho, com shoyu e champignon... sempre com arroz branco.
⇒ Oficina de Ervas: Oi Luciene. Realmente essa forma de uso na culinária é uma forma muito boa de se consumir, ao invés de usá-la como medicamento. Seus efeitos benéficos são excelentes. Agradeço por seu comentário e ficamos sempre à disposição.


• Ana Lúcia
Boa tarde. Minha esposa está com pedra na vesícula e segundo o médico ela precisa ser operada. Ela deseja saber como fazer o uso correto da raiz de bardana pra eliminar a pedra na vesícula. Está tomando via oral a medicação omeprazol .ela deve suspender o remédio pra tomar o chá?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Ana Lúcia. Ela não deve suspender os medicamentos prescritos pelo médico. A bardana não tem ação para expelir pedra. Geralmente pedra na vesícula é só com cirurgia. Ela pode tomar a Carqueja + Boldo Brasileiro para diminuir os sintomas. Para mais informações entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo e-mail farmacia@oficinadeervas.com.br . Estamos à disposição.


• Sônia Maria Pisaneschi
Gostaria de saber onde encontro. Me indiram mas está difícil de encontrar.
⇒ Oficina de Ervas: Oi Sônia. A Bardana aqui na farmácia nós temos na forma de cápsulas, tintura ou extrato fluido.https://www.oficinadeervas.com.br/bardana. Se você está procurando "in natura" para usar as raízes como alimento, geralmente existe em feiras livres ou casas que vendem produtos orientais. Pode procurar como raiz de "gobô" e fazer o uso refogado. Qualquer dúvida, estamos à disposição.


• Carlos julio
Eu gostaria de saber se a erva bardana faz a diabete subir? Pois li em dois sites e cada um fala uma coisa. Um diz q faz subir, no outro já diz q ajuda a baixar.
⇒ Oficina de Ervas: Olá Carlos. A Bardana aumenta a secreção biliar e hepática hipoglicemiante. Doses excessivas podem interferir na terapia com hipoglicemiantes. Para maiores orientações entre em contato com nossos fitoterapeutas. Estamos à disposição.


• Elenita
Boa tarde Gostaria de saber se o hino e bom para refluxo
⇒ Oficina de Ervas: Olá Elenita. Não entendi a sua pergunta, mas para refluxo, geralmente usamos a Espinheira Santa, Guaçatonga e Alcaçuz. Entre em contato com nossos fitoterapeutas e informe com detalhes as suas necessidades. Estamos à disposição.


• Elson Ademar de Lima
Ótimo artigo, muito bom informativo
⇒ Oficina de Ervas: Olá Elson. Agradeço por seu comentário e fico feliz que tenha gostado. Estamos sempre à disposição.


• Cristina aubry
Bom dia. Gostaria de saber se um portador de câncer orofaringe com metástase e duas lesões no pescoço , 1 delas com uma fístula. Pode tomar esse chá de bardana ? Eu dei 1 única vez ontem e na madrugada teve um sangramento da lesão ..pode ter sido isso? Me ajude!!
⇒ Oficina de Ervas: Oi Cristina. Pode ter sido sim, pois a bardana é depurativa, então ela "limpa" as lesões. Apesar de se tratar de um alimento e de sua ação não ser imediata, não temos como afirmar se o sangramento foi provocado pelo chá e nem mesmo se essa reação pode ajudar ou não. Existem outras plantas que podem ajudar, mas teremos que avaliar melhor o quadro do paciente. Você pode entrar em contato com nossos fitoterapeutas e informa a idade do paciente, que tratamento faz, que medicamentos toma, como está o estado geral, quais os sintomas que apresenta. Estamos à disposição.


• Lycia Veloso
Olá boa tarde. A bardana serve para tratar acne. Mas pergunto com Quanto de uso as acnes desaparecem?
⇒ Oficina de Ervas: Oi Lycia. A Bardana tem ação desintoxicante e ajuda a tratar as acnes. Geralmente se toma 1 cáps 3 vezes ao dia. No entanto, há casos em que a origem da acne é hormonal, e aí devemos avaliar para o controle dos hormônios. Há casos de origem nervosa também. Então, para que possamos te atender, entre em contato com nossos fitoterapeutas e informe sua idade, se faz tratamento, se usa medicamentos ou hormônios, como é sua alimentação. Estamos à disposição.


• Rafael M
Bardana tem ação anti virótica comprovada, principalmente herpes. Vale a pena testar em gripes e até covid.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Rafael. Não temos conhecimento de ação antiviral da Bardana. No entanto, existem trabalhos que comprovam ação antiviral da Unha de Gato, Côco, Cúrcuma, entre outras plantas. Clique nos links abaixo para ver mais informações sobre as plantas mencionadas: https://www.oficinadeervas.com.br/unha-de-gato https://www.oficinadeervas.com.br/coco https://www.oficinadeervas.com.br/curcuma Para mais orientações entre em contato com nossos fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta/ Estamos à disposição.


• Edy
A bardana pode ser associada a outras ervas pra fazer chá? No caso de reumatismo e ácido úrico?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Edy, Você pode associar a outras plantas depurativas como a Salsaparrilha, Urtiga e Chapéu de couro. Essas ajudam a controlar o ácido úrico. Evite o consumo de carnes, embutidos, frutos do mar e as leguminosas (feijão, ervilha, grão de bico), pois são fontes de proteínas. Para o reumatismo essas plantas também ajudam, mas pode associar a Erva Baleeira para controlar as dores, pois é uma planta anti-inflamatória. Deixo os links: https://www.oficinadeervas.com.br/erva-baleeira https://www.oficinadeervas.com.br/salsaparrilha https://www.oficinadeervas.com.br/urtiga https://www.oficinadeervas.com.br/chapeu-de-couro Caso queira tirar dúvidas ou falar com um de nossos fitoterapeutas é só clicar no link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta/ Estamos à disposição


• Neide
Gostaria de saber se posso tomar cápsulas de bardana com ciprofloxacina
⇒ Oficina de Ervas: Olá Neide, Nas literaturas que temos disponíveis não consta restrição ou interação com o ciprofloxacino, tem interação com remédios que controlam a glicemia (diabete)podendo causar baixo açúcar no sangue.


• Gustavo
A bardana em cápsulas, fazem o msm efeito do chá da folha ??
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Gustavo. As duas formas possuem o mesmo efeito, que é a ação depurativa. O importante é usar na dosagem terapêutica para obter os resultados esperados. https://www.oficinadeervas.com.br/bardana Caso você tenha alguma dúvida ou queira alguma orientação para o seu caso, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Cunha
Boa noite, gostaria de saber se está planta é boa para o sistema linfático, apareceu-se um linfoma inguinal e gostaria de saber se a alguma planta que me ajude. Obrigado
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Cunha Clique no link abaixo para falar com nosso fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta/ Informe sua idade, se tem algum problema de saúde e se faz uso de algum medicamento. Estamos à disposição.


• Isabel Cristina Costa Gonçalved
Olá, Soraya! Meu pai tem mieloma múltiplo. Li um artigo que diz que carrapicho gigante é um bom alimento para esse tipo de câncer. Nunca tinha ouvido falar em carrapicho gigante e foi procurando no google que cheguei aqui. Gostaria de saber se você pode me ajudar, confirmando ou não o artigo que li.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Isabel O Carrapichão Gigante, também conhecido popularmente como Bardana, cuja o nome científico é Arctium lapa, tem sido estudada e parece inibir algumas linhagens de cânceres. Além dela, existem outros fitoterápicos com ações antitumorais. Clique no link abaixo e fale com nossos fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Informe se tem algum problema de saúde e se faz uso de algum medicamento para que nossos fitoterapeutas possam te orientar. Estamos à disposição.


• INES DE FATIMA VIEIRA RAMOS
Compro raiz de bardana em feira livre. Uso para enriquecer os ingredientes da minha feijoada vegetariana. Não conhecia a planta (o pé) até então, por esses dias, andando pela roça, me deparei com uma flor púrpura e me encantei por ela, achei linda! Perguntei às pessoas que estavam por ali, que planta era aquela!? Responderam -me que a planta que ali estava, chamava -se Cardo Santo. Fui pesquisar, e para minha surpresa, descobri o ingrediente da minha feijoada, mas, não sabia, de todas essas propriedades maravilhosas! Agora, tenho que confessar uma coisa: Ela é muito agressiva ao toque, nunca tinha visto uma planta tão espinhenta! Mas, foi um prazer conhecer a planta ao vivo, juntando as informações, tão generosas e preciosas... que aqui encontrei. Estou vendo que o nome popular, Cardo Santo ( caldo santo ) faz jus, a grandeza da natureza e o maravilhoso trabalho, empenho de vocês. Muito obrigada!!!
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Inês. O Cardo Mariano, também chamado de Cardo Santo é uma planta muito usada para problemas de fígado e digestão. A folha é muito espinhosa e machuca as mãos, se não tomar bastante cuidado. A flor do Cardo Mariano é de certa forma parecida com a flor da bardana, mas a bardana tem as folhas sem espinhos, apesar de apresentar uns pelinhos ásperos. Essa planta é usada como desintoxicante, desde as folhas até a raiz. Além disso, as raízes são usadas na culinária, principalmente em pratos orientais. As duas plantas são muito ricas em propriedades, mas a bardana não nasce espontaneamente em roças e seu cultivo é bastante especial e cuidadoso para a obtenção daquelas raízes compridas que vemos nas feiras livres. https://www.oficinadeervas.com.br/bardana https://www.oficinadeervas.com.br/cardo-mariano Caso tenha alguma dúvida, entre em contato conosco. Agradeço pelo comentário e ficamos à disposição pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Abraços da Família Oficina de Ervas.


• Maria
Chá de bardana também dá para tratar infecções urinárias ou mingar miomas do útero?
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Maria. O chá de bardana pode ajudar em infecção urinária por ser depurativa, mas não é uma planta indicada especificamente para essa finalidade. Segue abaixo uma sugestão de tratamento: INFECÇÃO URINÁRIA Pode ser causada por cálculo renal, imunidade baixa, uso de fraldas, tratamento de outras doenças, estresse, medo, etc. Cranberry (extrato seco) 400mg - tomar 1 cápsula 2 vezes ao dia, manhã e noite. O Cranberry vai ajudar, impedindo a adesão das bactérias no trato urinário. https://www.oficinadeervas.com.br/cranberry Extrato Fluido de Abacate - tomar 15 gotas 3 vezes ao dia (diluir em dois dedos de água morna para evaporar o pouco de álcool que contém). Possui ação diurética e ajuda a eliminar as bactérias. https://www.oficinadeervas.com.br/abacate Óleo de Copaíba 500mg – Tomar 1 cáps antes do café e antes do jantar por 30 dias. Possui ação antisséptica das vias urinárias. https://www.oficinadeervas.com.br/oleo-copaiba Própolis E.S. 300mg. Tomar 1 cáps 3 vezes ao dia em caso de infecção. O própolis é um antibiótico natural. https://www.oficinadeervas.com.br/propolis MIOMA UTERINO Cápsulas (Uxi Amarelo 250mg + Unha de Gato 250mg) - Tomar 1 cáps 3 vezes ao dia por pelo menos 3 meses. Esse composto diminui o crescimento do mioma e em muitos casos, se o mioma ainda é pequeno, ocorre o desaparecimento completo. https://www.oficinadeervas.com.br/uxi-amarelo https://www.oficinadeervas.com.br/unha-de-gato Qualquer dúvida, entre em contato com nossos fitoterapeutas. https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Carlos Roberto Merege
Preciso de produto natural para hiperplasia prostática
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Carlos Para o controle hipertrofia da próstata (HPB - hiperplasia Prostática Benigna nós recomendamos o uso do Sabal e do Oleo de Semente de abobora. Clique no link abaixo para mais informações dos fitoterápicos mencionados: https://www.oficinadeervas.com.br/saw-palmetto https://www.oficinadeervas.com.br/oleo-de-semente-de-abobora Para duvidas e orientações clique no link abaixo para falar com nossos fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta https://www.oficinadeervas.com.br/zap Estamos à disposição


Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024 Artigo Hibisco é bom para quê? Desvende os benefícios! 23 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos