"Deixe a natureza cuidar de você."
Parcelamento em até 6X SEM JUROS!

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.
Passe o Mouse para zoom
*Imagens meramente ilustrativas
*Todo produto será manipulado após o recebimento e aprovação do farmacêutico
       

Ginkgo

Fitoterápicos/ Produtos Naturais

A partir de R$ 31,00
Fórmula Magistral QTD Unitário
Gel Crioterápico composto 250g R$ 51,50
75 cápsulas de 120mg E.S. R$ 45,00
Extrato Fluido 60mL R$ 42,00
90 cápsulas de 350mg R$ 39,00
75 cápsulas de 80mg E.S. R$ 38,00
Gel Crioterápico Composto 100g R$ 31,50
Tintura 60mL R$ 31,00
30 cápsulas de 80mg E.S. R$ 31,00
Ainda em dúvida? Clique aqui e fale com nosso fitoterapeuta.
* Seguindo as normas da ANVISA, todo produto deve ser manipulado de acordo com o pedido, portanto será manipulado após o recebimento e aprovação do farmacêutico.
* Após esta etapa, a manipulação e o controle de qualidade exigem em média 1 dia útil, seguindo depois para a postagem do pedido.
Não encontrou sua fórmula?
Envie seu orçamento aqui!

Veja para que serve Ginkgo

Adicionar Ginkgo a minha Lista de Desejo  

Ginkgo (Ginkgo biloba)

AÇÃO E INDICAÇÃO:

Indicado para tratamento de desordens da memória, distúrbios de atenção, diminuição da capacidade auditiva, casos de vertigens e labirintite. Previne acidentes vasculares e envelhecimento pela sua ação antioxidante. Hipotensora suave. Pode ser associada à Centela Asiática para diminuir medidas em regime de emagrecimento.

FORMAS UTILIZADAS:

- Cápsula (pó da planta)

- Cápsula (extrato seco da planta)

- Tintura (líquido)

- Extrato Fluido (líquido)

- Cosmecêutico

Ginkgo

Ginkgo biloba L.

IDENTIFICAÇÃO

Família: Ginkgoaceae.

Nomenclatura popular: Ginkgo.

Parte utilizada/ órgão vegetal: Folhas.

INDICAÇÕES TERAPÊUTICAS

Vertigem e zumbidos (tinitus) resultantes de distúrbios circulatórios, distúrbios circulatórios periféricos, como cãimbras.

CONTRAINDICAÇÕES

Contraindicado para menores de 12 anos, grávidas e a lactantes e pacientes com histórico de hipersensibilidade e alergia a qualquer um dos componentes do fitoterápico. Pacientes com coagulopatias ou em uso de anticoagulantes e antiagregantes plaquetários devem ser cuidadosamente monitorados.

PRECAUÇÕES DE USO

O uso do G. biloba deve ser suspenso pelo menos três dias antes de procedimentos cirúrgicos. Deve ser evitado em pacientes que apresentam crises convulsivas, principalmente se essas estiverem relacionadas com o uso de preparações com Ginkgo biloba.

EFEITOS ADVERSOS

Podem ocorrer distúrbios gastrointestinais, cefaleia e reações alérgicas cutâneas (hiperemia, edema e prurido).Também foram relatados enjoos, palpitações, hemorragias e hipotensão. Casos de hemorragia subaracnoidea, hematoma subdural, hemorragia intracerebral, hematoma subfrênico, hemorragia vítrea e sangramento pós-operatório foram relatados em pacientes que faziam uso de G. biloba isoladamente.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS

A associação desse medicamento com anticoagulantes, antiplaquetários, anti-inflamatórios não esteroidais (AINES) e/ou agentes trombolíticos pode aumentar o risco de hemorragias. Esse medicamento pode diminuir a efetividade dos anticonvulsivantes e pode alterar os efeitos da insulina, aumentando a sua depuração. Pode provocar mudanças no estado mental quando associado à buspirona ou ao Hypericum perforatum. Pode potencializar o efeito dos inibidores da monoaminaoxidase e pode aumentar o risco dos efeitos colaterais da nifedipina. Pode aumentar o risco de aparecimento da síndrome serotoninérgica quando associado aos inibidores da recaptação de serotonina e pode causar hipertensão arterial em uso concomitante com os diuréticos tiazídicos, segundo relato de caso. A associação desse medicamento com omeprazol pode acarretar diminuição de nível sérico do omeprazol. A associação com trazodona pode trazer risco de sedação excessiva. O uso concomitante de G. biloba pode aumentar os riscos de eventos adversos causados pela risperidona, como, por exemplo, priapismo. A associação com papaverina pode acarretar potencialização de efeitos terapêuticos e adversos. Se o medicamento for administrado concomitantemente com anticoagulantes (ex. Fenoprocoumon e varfarina) ou medicamentos antiplaquetários (por exemplo, clopidogrel, ácido acetilsalicílico e outros fármacos anti-inflamatórios não esteróides), o efeito pode ser influenciado.Os estudos disponíveis com varfarina não indicam que há uma interação entre varfarina e produtos de G. biloba, mas um acompanhamento adequado é aconselhável. Um estudo de interação com talinolol indicou que G. biloba pode inibir a P-glicoproteína intestinal. Isso pode dar origem a maior exposição dos fármacos marcadamente afetados pela P-glicoproteína no intestino, tais como etexilato de dabigatrano. Deve-se acompanhar a combinação de G. biloba e dabigatran. Não é recomendado o uso concomitante de preparações de G. biloba e efavirenz, pois há a diminuição plasmática por indução da atividade de CYP3A4.

TEMPO DE UTILIZAÇÃO

Não foram encontrados dados descritos na literatura consultada sobre o tempo máximo de utilização. O tempo de uso depende da indicação terapêutica e da evolução do quadro acompanhada pelo profissional prescritor.

SUPERDOSAGEM

Em caso de administração de quantidades acima das recomendadas, suspender o uso e manter o paciente em observação.

PRESCRIÇÃO

Fitoterápico somente sob prescrição médica.

PRINCIPAIS CLASSES QUÍMICAS

Flavonoides (derivados da quercetina, kaempferol e isorramnetina) e terpenolactonas (ginkgolídeos e bilobalídeos).

Fonte: Farmacopéia Brasileira 1° Edição - Memento Fitoterápico

 

__________________________________________________________

 

SEGUE MAIS INFORMAÇÕES

Ginkgo (Ginkgo biloba)

O Ginkgo é uma planta que está presente na Terra a vários milhões de anos. Existem fósseis de folhas de Ginkgo que foram encontradas juntamente com fósseis de dinossauros, e apesar da diversidade climática nestes últimos milhões de anos, o Ginkgo conseguiu resistir e ainda estar presente nos dias de hoje para nos auxiliar em nossa saúde e para nos encantar com sua beleza.

Arbórea de grande porte, pode atingir 20 a 30 metros de altura quando já está bem desenvolvida. As folhas são no formato de um leque, lembrando as folhas de avenca. Exemplares nativos ainda são encontrados em pequena quantidade nas florestas da China, desta forma estabeleceu-se este país como local de origem. Planta que acompanha as estações climáticas com verdadeiras apresentações de beleza e elegância. No início da primavera lança suas folhas em pequenos tufos, que crescem e ficam com coloração verde claro. No verão o verde fica com um tom mais escuro, e as folhas ficam mais resistentes. Já no outono, inicia-se uma alteração de cor impressionante, pois o verde começa a dar lugar para o amarelo, e já no final do outono as folhas ficam com coloração dourada, impressionante!

Terminando o ciclo, a planta entra no inverno e suas folhas caem, a planta se recolhe para suportar as adversidades do clima das regiões frias, iniciando-se o processo em que as folhas começam amarelar. Estas folhas é que são colhidas para a produção do medicamento, pois é o momento onde se encontram com o maior teor de flavonoides (classe de princípios ativos de interesse da planta).

Existem muitas histórias sobre o Ginkgo, mas seu plantio sempre esteve ligado a locais nobres. No Japão antigo, era plantado em templos budistas e na entrada de castelos dos senhores feudais. Quando a cidade de Hiroshima foi destruída pela bomba atômica, acreditava-se que demoraria muitos anos para a vegetação voltar a ocupar o terreno destruído, mas para espanto das pessoas os pés que ainda sobraram em poucos dias já estavam brotando, apesar de toda irradiação recebida. Depois deste fato os japoneses começaram a chamá-la de planta da vida, pois perceberam o quanto ela é resistente.

Não existe cultivo comercial no Brasil, portanto todo Ginkgo que utilizamos é importado. Atualmente é a planta mais comercializada no mundo, isto por que as pesquisas tem mostrado sua grande eficácia para uma série de doenças.

Afinal quais são as ações terapêuticas do Ginkgo?

Bem, Ginkgo é uma planta fantástica. Possui uma grande capacidade vasodilatadora periférica, sendo empregada com muito sucesso para a labirintite, zumbido no ouvido, tontura, perda da capacidade de reter informações, dores na perna, retenção de líquidos e até mesmo no tratamento da celulite. Também possui a capacidade de deixar o sangue mais fluido, previne a formação de trombo e é um excelente anti-oxidante. Também é utilizada no tratamento da doença de Alzheimer, propiciando uma significativa melhora no quadro clínico.

Como contra-indicação, recomenda-se interromper a utilização alguns dias antes de qualquer tipo de cirurgia, pois pode apresentar problemas de hemorragia. Em geral, é uma planta muito segura, e pode ser utilizada como preventivo de várias doenças, inclusive recebe a denominação de planta da Terceira Idade, pois apresenta excelentes resultados contra o envelhecimento. Enfim, um presente da natureza para nós, em uma idade avançada em que mais precisamos de carinho, atenção e cuidados.


Ademar Menezes Junior

Pague em 6 x s/juros, Aproveite! Indicado para tratamento de desordens da memória, distúrbios de atenção, diminuição da capacidade auditiva, casos de vertigens e labirintite. Previne acidentes vasculares e envelhecimento pela sua ação antioxidante. Hipotensora suave.

Os resultados e indicações referentes ao uso desse produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante deste insumo farmacêutico (Informe Cientifico do fornecedor).

Não garantimos os resultados descritos, estes variam de pessoa para pessoa dependendo de diversos fatores como alimentação, prática de exercícios físicos, presença de outras patologias, bem como, o uso correto do produto conforme descrito na posologia.

- Produto adjuvante e suplemento alimentar. A prática de atividade física regular e bons hábitos alimentares são imprescindíveis para manutenção da saúde;

- A(s) imagen(s) que indica(m) o(s) produto(s) é (são) meramente ilustrativa(s), sem nenhuma alusão técnica e/ou científica;

- De acordo com as normas da Anvisa, todo produto deve ser manipulado de acordo com o pedido do comprador, portanto será manipulado após o recebimento e aprovação do nosso farmacêutico;

- Trata-se de descrição do produto e não propaganda. Somos uma Farmácia de manipulação. Portanto, os produtos naturais anunciados neste site serão produzidos sob encomenda;

- Não faça uso de medicamentos ou produtos sem orientação de um profissional médico ou farmacêutico;

Aproveite as formas de comunicação do nosso site e saiba mais detalhes com nossa equipe farmacêutica:

Por e-mail: farmacia@oficinadeervas.com.br
Telefone: (16) 2133-4455
WhatsApp: (16) 99159-9056

- Se persistirem os sintomas, o médico ou farmacêutico deverá ser consultado;
- Evite a automedicação. O medicamento mesmo livre de obrigação de prescrição médica merece cuidado.
- As indicações postas não se tratam de propaganda, e sim de descrição do produto;
- Consulte sempre um especialista;
- As indicações dos produtos são baseadas no conhecimento científico do profissional farmacêutico e nos laudos de aquisição dos produtos junto aos fornecedores autorizados pela Anvisa.

Os medicamentos sob prescrição só serão dispensados mediante apresentação de prescrição de profissional habilitado ou cópia digital;

1- Mantenha todo e qualquer medicamento ou produtos para adultos longe do alcance de crianças;
2- Manter esse produto longe de fontes de umidade, calor, luz ou eletromagnéticas. Temperatura de melhor conservação: 15 a 30º C;
3- Não partir ou mastigar esse produto;
4- Tomar sempre com quantidades generosas de líquido;
5- Mantenha seus exames médicos em dia. A ação de fitoterápicos orais pode ser alterada em portadores de problemas de tireoide, síndrome metabólica, obesidade mórbida entre outros.
6- Exercite-se regularmente e alimente-se com bom senso. Isso garante a manutenção de sua saúde a longo prazo;
7- Não use nenhum produto com o prazo de validade vencido;
8- Mulheres grávidas ou amamentando e crianças devem consultar médico ou farmacêutico antes de utilizar este produto;
9- Os fitoterápicos, de maneira geral, possuem efeitos terapêuticos mais suaves, o que pode explicar a redução dos efeitos colaterais. Porém, alguns efeitos colaterais não descritos na literatura podem ocorrer;
10- Pessoas com hipersensibilidade às substâncias contidas na formulação não devem ingerir o produto;
11- Em caso de hipersensibilidade, recomenda- se interromper o uso e consultar o médico.

ATENÇÃO:

É permitida às farmácias e drogarias a entrega de medicamentos por via postal desde que atendidas as condições sanitárias que assegurem a integridade e a qualidade dos produtos, conforme legislação vigente.

O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário o direito à informação e orientação quanto ao uso de medicamentos solicitados por meio remoto.

RDC 44 de 17 de agosto de 2009

A dispensação de plantas medicinais é privativa das farmácias e ervanarias, observados o acondicionamento adequado e a classificação botânica e adequada orientação de profissional da saúde.

As embalagens não podem ter alegações terapêuticas.

(Lei 5991/73)

ATENÇÃO: O texto de todos os nossos produtos, são referentes a des­cri­ção técnica dos mesmos, não configurando pro­pa­gan­da e ou estímulo a auto-medicação.
Seguindo as normas da ANVISA, todo produto deve ser manipulado de acordo com o pedido do comprador, portanto será manipulado após o recebimento e aprovação do farmacêutico.
Fórmula desenvolvida por profissional habilitado:
Uso e venda feita com prescrição de profissional habilitado, podendo ser nosso farmacêutico conforme Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia.

Outros Produtos Naturais

  • Pholia Roja
    Pholia Roja
    Pholia Roja para tratamento e prevenção da síndrome metabólica e obesidade ... Saiba mais
  • Griffonia simplicifolia (5 HTP)
    Griffonia simplicifolia (5 HTP)
    Além de melhorar o humor, o 5 HTP (Griffonia simplicifolia) dá mais força para praticar exercícios. Essa maior ... Saiba mais
  • Porangaba
    Porangaba
    Porangaba ou Pholia magra planta natural que auxilia na luta contra a obesidade. Leia nosso artigo sobre a Por ... Saiba mais