Sabugueiro: é planta medicinal? Entenda para que serve

Sabugueiro tem relação com sabugo de milho? Não! O Sabugueiro é uma planta medicinal muito presente em diferentes farmacopéias européias, com mais de uma indicação na saúde: ajuda na tosse, nos resfriados e também no coração. Neste artigo, desvende para que serve o Sabugueiro e todos os seus benefícios.

 

Comprar Sabugueiro

O que é o Sabugueiro?

Quando falamos do Sabugueiro, não estamos falando de nenhum sabugo de milho! O Sabugueiro é, na realidade, uma planta medicinal — mais especificamente uma árvore (ou pequeno arbusto), cujo nome científico é Sambucus nigra, da família botânica Adoxaceae. Pode alcançar até 11 metros, com ramificação abundante.

Sua origem é na Europa, com ênfase na Europa Central, mas ele alcança ainda muitas outras regiões: Norte da África, Ásia e Cáucaso. Em Portugal, por exemplo, o Sabugueiro faz parte inclusive de práticas culturais e religiosas antigas, como benzeduras para curar problemas de pele. Na Idade Média, os ramos dessa planta também serviam para proteger casas e embarcações (junto com ramos de outras plantas).

Na época de floração dessa espécie, as flores são geralmente brancas e depois vêm as frutinhas — que são muito apreciadas por animais, como aves, o que ajuda na expansão da planta pela natureza. Também é consumido por cervos, alces e ovelhas.

Existem outros sabugueiros também, alguns das Américas, como o Sambucus canadensis na América do Norte, o Sambucus peruviana Kunth na região Andina da América do Sul até o México, e o Sambucus australis, que aparece no Brasil (entre Sudeste e Rio Grande do Sul), Paraguai e Uruguai. E o nome popular mais famoso em português é Sabugueiro mesmo.

Mas o de uso medicinal mais estabelecido é a espécie Sambucus nigra, presente em diversas farmacopeias: alemã, austríaca, francesa, holandesa, húngara, portuguesa e suíça.

Tradicionalmente, as flores do Sabugueiro são usadas para fazer um chá no tratamento de resfriados e febres, mas também há registros de usos para constipação, dores de cabeça e reumatismo. E os frutos, apesar de não ser recomendado consumi-los in natura, fazem parte de muitas receitas de geléias, molhos e doces, como tortas. Até na indústria alimentícia se usa os frutos do Sabugueiro, para deixar vinhos com cor mais intensa.

Agora que você entende um pouco mais sobre o Sabugueiro, vamos desvendar os benefícios para a saúde!

 

Comprar Sabugueiro

Sabugueiro: para que serve

Afinal, o Sabugueiro é bom para quê? Conforme mencionamos antes, tradicionalmente o Sabugueiro é empregado em quadros de afecção respiratória (resfriados e tosses) e em afecções cutâneas (úlceras, abcessos, queimaduras solares). Vamos ver mais detalhes a seguir!

As partes mais utilizadas na fitoterapia são as flores e frutos. Os componentes em geral dos frutos são:

 

As flores, em geral, tem a seguinte composição:

 

Mas a exata composição depende da variedade da planta, condições de cultivo e maturação (por exemplo, a maturação das frutinhas).

As flores do Sabugueiro possuem ações:

 

Ele é vendido na forma de cápsulas e tintura!

Se você tem dúvidas de onde encontrar a melhor opção de fitoterápico manipulado para você, não se preocupe! A Oficina de Ervas tem estas versões para você escolher.

 

Comprar Sabugueiro

E quais são as indicações de uso do Sabugueiro?

Há mais de uma indicação de uso para o Sabugueiro! Confira abaixo:

 

A ação antiviral do Sabugueiro impede a replicação de vírus influenza (em geral, do tipo B), sendo uma atividade relacionada à presença de flavonoides. As antocianinas também apresentaram efeito antiviral e antimicrobiano em afecções respiratórias.

É indicado também que os antioxidantes dessa planta possam melhorar a resposta imune do corpo, então ajudam nossa imunidade a se defender melhor dessas afecções sazonais. Esse auxílio ao nosso sistema imune também é um mecanismo estudado por ajudar nas afecções ou ferimentos na pele, pois extratos da planta têm sido indicados por aumentar a modulação inflamatória (importantes para processo de cura e cicatrização) e produção de interleucinas, que fazem parte da imunidade.

Os compostos fenólicos do Sabugueiro também são pesquisados na redução de colesterol e na diminuição sensível nos índices glicêmicos no sangue (embora não seja suficiente para ser indicado para diabetes). Por isso, ele se torna um aliado de muito interesse na Fitoterapia por poder auxiliar na saúde cardiovascular, que é afetada pelo colesterol e por açúcares presentes no sangue. Até o momento, experimentos foram feitos com roedores e espera-se mais estudos em humanos.

 

Dosagem usual recomendada

A dosagem usual depende do quadro da sua saúde — que tipo de condição você está buscando ajuda — e a forma que você prefere consumir o Sabugueiro. Afinal, esta planta é muito versátil e permite diferentes usos, por exemplo em cápsulas ou tintura. Converse com nossos fitoterapeutas sobre seu caso e não deixe a sua saúde de lado! Entre em contato com um de nossos fitoterapeutas clicando aqui. Assim, ficará mais fácil entender como tomar o Sabugueiro da melhor forma.

 

Comprar Sabugueiro

Sabugueiro: efeitos colaterais e contraindicações

De modo geral, os fitoterápicos de Sabugueiro são bem tolerados pelo organismo. Efeitos colaterais, quando ocorrem, estão relacionados com o consumo em grande quantidade ou consumo incorreto da planta e variam entre reações alérgicas, intoxicação, náusea, vômitos, diarréia e desorientação.

A casca, as frutas sem cozer e sementes contém pequenas quantidades de lectinas, que podem causar dores estomacais e prejudicar a absorção de nutrientes se consumidas em excesso.

Há também uma mínima quantidade de glicosídeos cianogênicos, que podem em algumas circunstâncias liberar cianeto de hidrogênio no metabolismo. Os preparos comerciais e farmacêuticos de Sabugueiro não contêm essas substâncias e são seguros para consumo; afinal, em muitos países se comercializam geléias e doces de Sabugueiro (que foram previamente cozidos).

Ainda assim, é importante ressaltar a necessidade de conferir a espécie antes de consumir Sabugueiro, principalmente se foi encontrado na natureza. Estamos no Brasil e essa planta não é encontrada aqui; porém se mantém o alerta de não consumir plantas sem saber a procedência delas.

 

Veja abaixo as contraindicações:

 

Comprar Sabugueiro

Sabugueiro: preço e onde comprar

Você pode comprar o Sabugueiro no nosso site, clicando aqui.

Em caso de dúvidas, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

 

 

Referências

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7347422/

https://www.healthline.com/nutrition/elderberry

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/B978012803138400023X

https://pubs.acs.org/doi/abs/10.1021/acs.jafc.2c00010

https://en.wikipedia.org/wiki/Sambucus_nigra

https://www.scielo.br/j/rbfar/a/5rqbh3Xfk9hv8N75rgq3cjd/

https://fitoterapiabrasil.com.br/planta-medicinal/sambucus-nigra

https://www.mdpi.com/2227-9717/10/11/2288

https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/37979821/

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

• Lucy
Bom dia Diziam os antigos, que o chá de sabugueiro era bom para sarampo, e outras doenças alérgicas. Inclusive para tomar banho com este chá para aliviar os sintomas. Não tomei para outros fins, mas na época foi eficaz para o que foi indicado.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Lucy. Realmente, o chá das flores de sabugueiro sempre foi usado popularmente para as doenças infeciosas em crianças, como a catapora, rubéola e sarampo. Atualmente, as ocorrências dessas doenças diminuíram por conta das vacinas, mas o banho com o chá de sabugueiro para os problemas de pele, ajudam nos processos de cicatrização e diminuição da inflamação. Agradecemos pelo seu comentário, pois ele ajuda a esclarecer as dúvidas dos leitores. Caso você queira mais informações, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelos links abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta https://www.oficinadeervas.com.br/zap Estamos à disposição


Artigo Dilênia ou Maçã de Elefante? Entenda os benefícios do uso medicinal dessa planta! 16 Jul 2024 Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos