Cactus grandiflorus

Planta de caule arbóreo, cilíndrico, lenhoso e ramoso, armado de numerosíssimos acúleos fortes, castanhos-escuros ou pretos, 8-10-fasciculados, de 2-3 centímetros de comprimento. As folhas são sub-pecioladas, oblongo-lanceoladas, acuminadas, até 30 centímetros de comprimento, lisas na página superior e áspero-punctuadas na inferior. As flores são rosa-escuras com anteras amarelo de ouro, inodoras, até 4 centímetros de diâmetro, dispostas em racimos terminais. O fruto é uma baga piriforme, obtusa, tri-angulosa, de 3 centímetros, contendo 4-5 sementes pretas, obovóide-achatadas e luzidias. 

Nome Científico: Cereus grandiflorus Mill. Sinonímia: Selenicereus grandiflorus (L.) Britt. et Rose; Cactus grandiflorus L. 

Nome Popular: Cactus, Cacto-de-flor-grande, Flor da Noite, Flor do Baile e Rainha da Noite, em português; Night Blooming Cereus, em inglês. 

Denominação Homeopática: CACTUS GRANDIFLORUS. 

Família Botânica: Cactaceae. 

Parte Utilizada: Flor e Casca do Caule. 

Princípios Ativos: Alcalóides (do tipo isquinolínicos); Aminas: tiramina, cactina (hordenina), cacticina, narcisina e grandiflorina; Flavonóides: rutina, kaempferitrina, hiperosídeo e isorhamnerina-3--(galactosil)-rutinosídeo. 

Indicações e Ação Farmacológica: O seu uso corresponde ao tratamento da angina pectoris, coronatites, palpitações e insuficiência cardíaca congestiva. 
As aminas cardiotônicas e tiramina presentes no Cactus são responsáveis pelas atividades inotrópicas positivas. A cactina tem uma ação pseudo-digitálica sem risco de acumulação. Já os flavonóides promovem um efeito diurético. 
Em Homeopatia a grande esfera de ação deste remédio é o coração, e seu sintoma característico é a sensação de constrição do coração, como se uma mão de ferro estorvasse seu movimento normal (angina de peito, aortite crônica, insuficiência aórtica, pericardite, hipertrofia do coração, palpitações, miocardite, sintomas cardíacos devidos à dispepsia, congestão do fígado, cálculos biliares, reumatismo agudo, etc), dentre outras indicações.

Toxicidade/Contra-indicações: O suco fresco do Cactus é irritante para a mucosa oral, causando sensação de queimação, náuseas e vômitos. Diarréias são também reportadas. 
É contra-indicada a interação com outras medicações cardiotônicas, quinidina, laxantes antraquinônicos, diuréticos tiazídicos. 

Dosagem e Modo de Usar: 
• Extrato Fluido: 0,06-,6 ml
• Tintura: 0,12-2,0 ml.
• Homeopatia: Tintura-mãe, 1ª e 3ª.

Referências Bibliográficas: 
• PR VADEMECUM DE PRECRIPCIÓN DE PLANTAS MEDICINALES. 3ª
edição. 1998. 

• CORRÊA, M. P. Dicionário das Plantas Úteis do Brasil. IBDF. 1984.

• CAIRO, N. Guia de Medicina Homeopática. 1983.

• OLIVEIRA, F.; AKISUE, G. Fundamentos de Farmacobotânica. 2ª edição. Ed. 
Atheneu. 1997.

• NEWALL, C. A.; ANDERSON, L. A.; PHILLIPSON, J. D. Herbal Medicines - A 
guide for health-care professionals, 1ª edição, Londres, 1996.

Deixe seu comentário

Escreva seu nome compelto (ex. Jane Miller)

Comentários

Veja o comentário de outros usuários e deixe o seu comentário também!

• Pedro honorio Miranda
Uso extrato de cactos em algumas pessoas desde 1987. Bom fitoterapico para colesterol. Triglicerides. Enxaqueca. Insuficiência circulatória . Pressão alta. Angina. Arritmia cardíaca. Em 6 meses pode custar a presão alta.
⇒ Oficina de Ervas: Oi Pedro. Que bom ter essas informações suas. Fico muito feliz quando alguém pode dar relatos sobre os efeitos das plantas medicinais. Bom trabalho para você. Abraços.


• Alfredo Malatesta neto
Comprei o extrato fluido Cactus graniflorus, pq tenho arritmia cardíaca. Qual a dosagem diária q devo ingerir? Obg.
⇒ Oficina de Ervas: Olá Alfredo. A sugestão de uso do Cactus (Cactus grandiflorus)extrato fluido para adultos é de 0,5 a 1 gota/kg/dia em 3 ou 4 tomadas .Qualquer duvida entre em contato através do e-mail farmacia@oficinadeervas.com.br. Estamos a disposição.


• Helio
Excelente para o coração e sistema circulatório. Alguém me disse que poderia ser usado também para prostatite crônica, procede?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Hélio. Não conheço essa indicação para prostatite. A planta mais indicada para prostatite (HPB)é o Sabal: https://www.oficinadeervas.com.br/saw-palmetto. Qualquer dúvida, entre em contato conosco. Estamos à disposição.


• Samara
Olá ele serve para sintomas da menopausa?
⇒ Oficina de Ervas: Oi Samara. Não é essa a indicação do Cactus. Para sintomas da menopausa tem outras plantas como a Cimicifuga, Dong Quai e Red Clover. entre em contato com nossos fitoterapeutas e informe sua idade sintomas, se faz uso de algum medicamento. Deixo aqui os links para você ler: https://www.oficinadeervas.com.br/cimicifuga, https://www.oficinadeervas.com.br/dong-quai e https://www.oficinadeervas.com.br/trevo-vermelho


• Ozéias
Tenho arritmia cardíaca tenho 55 anos com frequência qualquer esforço meu coração pulsa muito e demora voltar ao normal. Como faço para receber este remédio em minha casa.
⇒ Oficina de Ervas: Olá Ozéias. O Cactus pode ajudar nesses sintomas, mas fale com os nossos fitoterapeutas para uma melhor orientação. Informe se toma algum medicamento, qual é o diagnóstico, desde quando sente aceleração cardíaca, se faz acompanhamento com o cardiologista, como estão os exames de colesterol, triglicérides, glicemia e de sangue, se fez exame de esteira, etc. Estamos no seu aguardo.


• Lucimar
Sou hipertensa,em que esse medicamento me favorece? Obg!
⇒ Oficina de Ervas: Olá Lucimar, No sistema cardio circulatório atua como cardiotônico, palpitações, arritmias, insuficiência cardíaca congestiva leve, regulador da pressão arterial, usado tanto na hipertensão como na hipotensão, endocardite, miocardite e diurético suave.


• edgar saldanha
FPORui a farmácia natural e me indicaram Solda Cactus Gra.. para incontinencia urinária.PROCEDE?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Edgar, O Cactus é para problemas cardíacos e tem leve ação diurética. Para avaliarmos o problema, precisamos saber a causa da incontinência, a idade do paciente, se fez algum procedimento cirúrgico, se tem infecção urinária, se faz uso de algum medicamento ou se tem algum problema emocional. entre em contato com um de nossos fitoterapeutas para passar as informações. Clique no link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta/ Estamos à disposição.


• VANIA COUTO PERUCCI
Meu pai tem aneurisma na aorta, insuficiência na válvula mitral e válvula aorta,toma Losartana e hidroclorotiazida ele pode tomar o extrato fluido do cactus grandlflorus? Grata
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Vania. Não temos como avaliar o caso dele somente com essas informações. Entre em contato com nossos fitoterapeutas e informe a idade dele, que sintomas apresenta, como é a rotina com relação a atividade e alimentação. Dessa forma podemos orientar com relação ao uso e também sobre qualquer risco. Existe a possibilidade de usar na forma de homeopatia, caso tenha qualquer risco. Deixo o link: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Sônia
Boa tarde gostaria de comprar as caps de cactus porque tomo remédio de pressão e fui enforcada sobre este medicamento que é natural. Se puder me responder no zap 31980241482 obrigado
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Sônia. Em breve entraremos em contato pelo seu WhatsApp. Para dúvidas e orientações você também pode entrar em contato com nossos fitoterapeutas pelo e-mail, clicando no link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Joel F. Frederico
Ea anos atrás uns 30 eu secava os talos dessa planta e as transformava em pó, e colocava uma pitadinha pequena do pó em dois copos de agua fervente e esperava esfriar, melhorava as batidas do meu coração o meu coração e eliminava os ácidos úrico do corpo, como os maléolos (cascas) do cotovelo e calcanhar, estou precisando tomar novamente para as arritmias e fraqueza no coração. não estou conseguindo andar 200 metros sem os sintoma de que o coração vai sair pela boca, o que me recomenda; gratíssimo pelas respostas. que voltar ao cacto orem manipulado por vcs.
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Joel Clique no link abaixo para falar com nossos fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Informe sua idade, se tem algum problema de saúde e se faz uso de algum medicamento. Estamos à disposição.


• Antônio valeriano ava
Pfvr me informe como tomar as cápsulas do cactus grandiflorus de 400 MG , horário qtas vezes ao dia
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Antônio. A dose máxima pode chegar até 2g , 3 vezes ao dia, mas usualmente toma-se 1 cápsula de 400mg 3 vezes ao dia. Qualquer dúvida, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Rosemari
Esse medicamento seria indicado para ansiedade?
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Rosemari. A ação farmacológica do Cactus corresponde ao tratamento da angina pectoris, coronatites, palpitações e insuficiência cardíaca congestiva. Para controle da ansiedade existem outras plantas como o hipérico, kawa kawa, melissa, lípia e mulungu. https://www.oficinadeervas.com.br/hiperico https://www.oficinadeervas.com.br/kawa-kawa https://www.oficinadeervas.com.br/melissa https://www.oficinadeervas.com.br/lipia https://www.oficinadeervas.com.br/mulungu Caso você queira alguma orientação sobre o problema, entre em contato com nossos fitoterapeutas pelo link abaixo: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos a disposição.


• Joel Ffrederico
tenho 81 anos e sinto meu coração fraco, qualquer atividade parece que vou desmaiar fico ofegante e com a respiração difícil, tomo Enalapril de 20 mg 2vz ao dia, saldo de doxazozina 2 mg 2 comp. ao dia tomo castanha da índia uma capsula ao dia, Vastarel 80 mg. 1 ao dia. tomo coenzima Q 10 1 CAPSULA AO DIA, DEPOIS DA PANDEMIA NÃO CONSEGUI MAS FAZER MINHAS CAMINHADAS, E ISSO ME FES SURGIR PROBLEMAS CIRCULAÇÃO NAS PERNAS E ESTÃO JUDIANDO DE MIM, HA MAIS DE QUARENTA ANOS TOMEI CHA DAS FOLHAS DO CACTO GRANDE FLORU, EM PO, 1 PITADA EM UMA XICARA DE AGUA. CUROU MEU ACIDO ÚRICO, AGORA QUERO TOMAR PRO MEU CORAÇÃO QUAL ME RECOMENTA E QUAL A DOSAGEM E COMO TOMAR, E ONDE COMPRAR?
⇒ Oficina de Ervas: Olá Joel, O Cactus grandiflorus na forma de fitoterápico tem ação para angina pectoris, coronatites, palpitações e insuficiência cardíaca congestiva. Se o seu médico deu o diagnostico de que você tem algum dos problemas cardíacos citados acima, o Cactus serviria para o seu caso. Solicito que entre em contato com os nossos fitoterapeutas para entender melhor ao seu caso. https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Estamos à disposição.


• Vera
Minha homeopata receitou selenicereus grandiflirus para arritmia, comecei hj 3 gotas 2 vezes ao dia estou confiante
⇒ Oficina de Ervas: Olá, Vera Caso tenha alguma dúvida, clique no link abaixo para falar com nossos fitoterapeutas: https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta Ou através do WhatsApp (16) 9.8234.0111. Estamos à disposição.


Informativo A rinite atacou? Entenda os sintomas e como a fitoterapia pode ajudar! 04 Jul 2024 Artigo Margaridão, Titônia ou Mão-de-deus? Entenda os benefícios! 28 Jun 2024 Artigo Capim-limão: benefícios e uso na aromaterapia 25 Jun 2024 Informativo Cirrose e Hepatite: é a mesma coisa? Cuide do fígado de forma mais natural 04 Jun 2024 Artigo Eucalipto: benefícios e propriedades medicinais 29 Mai 2024 Artigo Hibisco é bom para quê? Desvende os benefícios! 23 Mai 2024

Ver Outros Conteúdos