2021-12-21

O que é Crisina: para que serve e como tomar

Conheça nossas fórmulas magistrais para Crisina (Passiflora caerulea).
Veja nossa lista de opções:
60 cápsulas de 250mg,     30 cápsulas de 500mg,     30 cápsulas de 1000mg,     

O que é Crisina

A Crisina é um flavonóide encontrado na Passiflora caerulea, uma planta da mesma família que o famoso maracujá. No entanto, no lugar de ser indicada majoritariamente pelo seu efeito ansiolítico, a Crisina oferece benefícios por modular a testosterona no corpo. Vamos conhecer como a Crisina funciona? Confira neste artigo para que serve, efeitos colaterais e como tomar.

 

Crisina: para que serve

A Passiflora caerulea é a principal fonte de um flavonóide chamado Crisina, embora ela também seja encontrada em outras plantas, no mel e no própolis. Uma importante ação da Crisina é sua capacidade de inibir a enzima aromatase, que por sua vez é um agente da transformação do hormônio testosterona em estrogênio ou DHT (dihidrotestosterona).

De um modo geral, quando um hormônio alcança determinado nível de concentração em nosso organismo, ele é convertido em outras substâncias - obedecendo, é claro, certas características do paciente em questão. No caso da testosterona, existe a possibilidade deste hormônio ser convertido em estrogênio, que é um hormônio que os homens também produzem — em menor quantidade — e que está mais associado às características femininas. A Crisina justamente impede ou reduz essa conversão!

Crisina o que e

A crisina possui atividades:

  • Reguladora de hormônios (anti-estrógeno)
  • Imunomodulatória
  • Antioxidante
  • Ansiolítica
  • Anti-inflamatória

 

E quais são as indicações de uso da Crisina?

A Crisina pode ser utilizada para diversos problemas, como:

  • Ansiedade
  • Controle hormonal
  • Prevenção de ginecomastia
  • Ganho de massa muscular
  • Aumento da libido

 

Lembramos também que a atividade antioxidante auxilia na prevenção de diversas doenças associadas a danos e envelhecimento celular, como doenças degenerativas. Existem estudos para conferir a eficácia da Crisina na prevenção de câncer e, embora sejam necessárias maiores confirmações científicas, essa substância tem sido associada com o retardamento da formação de câncer em pacientes.

Por exemplo, há evidências iniciais que a Crisina seja uma substância importante para prevenção e tratamento de carcinomas estrogênio-dependentes. Esse tipo de carcinoma mantém-se aceso no corpo enquanto o estrogênio também está ativo. Deste modo, eliminando ou reduzindo o estrogênio, existe melhora no quadro geral e maior possibilidade de cura, ainda que possa variar dependendo da condição.

Para a ansiedade, o efeito da Crisina se dá nos receptores GABA, que produzem uma sensação de relaxamento.

 

Crisina e a musculação

Qual é a relação da Crisina com o aumento muscular? Já que esse flavonoide aumenta a disponibilidade de testosterona no organismo por evitar que este hormônio se transforme em estrogênio, a testosterona acaba por estimular ainda mais a produção de proteínas, que, por sua vez, formam as fibras musculares. Assim, a Crisina auxilia na hipertrofia muscular e é utilizada por atletas que desejam maior expressividade e potência dos músculos.

Crisina para musculacao

Crisina e o corpo masculino

A testosterona é um dos principais hormônios que o corpo masculino produz (embora mulheres também produzam em menor quantidade), responsável por características como aprofundamento da voz, crescimento de pêlos e desenvolvimento de esperma, de músculos e mais outros detalhes.

Os níveis deste hormônio flutuam e é esperado que diminuam com o passar dos anos. No entanto, níveis baixos de testosterona estão associados à osteoporose masculina e menor libido. E quando há maior estrogênio em homens do que testosterona por períodos prolongados, pode desenvolver-se mamas: isso se chama ginecomastia.

A Crisina, justamente por evitar a conversão de testosterona em estrogênio, previne tal condição!

Com a maior taxa de testosterona circulando pelo corpo, o paciente poderá sentir maior disposição, libido e ainda aproveitará de outros benefícios, como a prevenção de osteoporose masculina e ginecomastia, que explicamos acima.

 

Crisina e o corpo feminino

O corpo feminino produz testosterona, mesmo que em taxas menores do que estrogênio. É responsável por maior apetite sexual durante a ovulação, dá disposição para atividades físicas e estimula o ganho de massa muscular; enquanto o estrogênio prepara a fertilidade e oferece maior resistência aos ossos, entre outras funções.

No entanto, existem certas doenças que são estrogênio-dependentes e justamente a diminuição do estrogênio no corpo melhora o quadro. A Crisina auxilia nesse processo, pois evita que a testosterona seja convertida em estrogênio.

Mas aqui vale um importante lembrete: o excesso de testosterona no corpo feminino pode causar efeitos colaterais, como o crescimento maior de pêlos e irritabilidade. Certos anticoncepcionais contém estrogênio também e, caso seja consumida a Crisina simultaneamente, pode afetar o efeito do anticoncepcional, aumentando a chance de engravidar.

Sempre avalie os benefícios e condições antes de tomar um suplemento!

 

Como tomar a Crisina?

É muito simples aproveitar as propriedades medicinais da Crisina! Ela existe na forma de cápsulas e você pode comprar aqui mesmo no nosso site Oficina de Ervas.

Dosagem usual recomendada

Cápsula: tomar de 250mg a 1000mg por dia.

 

Crisina: efeitos colaterais e contraindicações

Os efeitos colaterais, quando ocorrem, estão relacionados à irritabilidade pelo aumento de testosterona.

A Crisina, apesar de seus benefícios, não é indicada para pacientes que tenham câncer de próstata. Também não recomenda-se o consumo por menores de 18 anos, indivíduos que tenham hipersensibilidade aos componentes, grávidas ou lactantes.

 

Crisina: preço e onde comprar

Você pode comprar Crisina no nosso site, clicando aqui.

Em caso de dúvidas, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

Crisina testosterona musculo

Bibliografia

https://www.sociedadeglobal.org.br/crisina/#aws

https://www.santaceutica.com.br/crisina-500mg/p

https://pt.wikipedia.org/wiki/Crisina

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0378874104000856

https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0031942217303217

http://greenpharmacy.info/index.php/ijgp/article/view/100

https://citeseerx.ist.psu.edu/viewdoc/download?doi=10.1.1.914.8645&rep=rep1&type=pdf

https://www.webmd.com/vitamins/ai/ingredientmono-1047/chrysin

https://extra.globo.com/noticias/saude-e-ciencia/saiba-quais-sao-as-funcoes-da-testosterona-nas-mulheres-23076053.html

http://www.santalucia.com.br/noticias/o-que-acontece-com-mulher-quando-os-niveis-de-estrogenio-estao-desequilibrados/

Comentários

Vamos lá, seja o primeiro a comentar sobre: O que é Crisina: para que serve e como tomar

Deixe seu comentário sobre:
O que é Crisina: para que serve e como tomar