2022-04-29

10 Plantas para ajudar na Bronquite

Nem todas as regiões do Brasil sofrem com temperaturas baixas nesta época do ano, mas ainda assim as afecções respiratórias afetam muita gente quando o Inverno chega!

E entre tantos espirros e tosses, está a Bronquite. O que fazemos agora? Neste informativo de Junho, saberemos de detalhes importantes sobre a Bronquite e vamos oferecer dicas de fitoterápicos para ajudar no tratamento. Prepare-se para respirar melhor!

 

Se você já quiser saber quais são os fitoterápicos indicados para Bronquite, clique aqui!

Se você já quiser saber quais são os fitoterápicos indicados para Bronquite, clique aqui!

 

O que é a Bronquite?

De forma sucinta, a Bronquite é a inflamação dos brônquios, que são as estruturas dentro do seu corpo que conectam a traqueia aos pulmões, conduzindo o ar que inspiramos através de canais.

É fundamental para o ser humano que o transporte de oxigênio no sistema respiratório seja eficiente, mas nem sempre tudo está perfeito: doenças respiratórias causam desconforto e impedem que você respire direito, desde simples resfriados e gripes até casos mais graves, como tuberculose ou pneumonia.

Bronquite sintomas tosse

Nestes últimos anos, adotamos medidas de higiene e prevenção que evitam a contaminação frequente por bactérias ou vírus que causam muitas das afecções respiratórias. Vamos relembrá-las:

  • Uso de máscaras
  • Higienização frequente das mãos
  • Preferência por ambientes ventilados e sem aglomerações
  • Distanciamento
  • Isolamento em casos de sintomas

 

E mesmo que tudo isso tenha sido intensificado como forma de prevenção de contágio por Covid-19, servem muito bem para desviar gripes ou resfriados, que são mais comuns com a chegada de frentes frias.

Quando as temperaturas caem, é mais provável que você seja contaminado por bactérias ou vírus causadores de doenças respiratórias porque geralmente:

  • Deixamos ambientes fechados para fugir do frio (e geralmente, ficamos mais aglomerados)
  • Não fazemos muitas atividades físicas e preferimos alimentos mais ricos em açúcar e gordura
  • Tomamos menos sol
  • Ingerimos menos água

 

Ou seja, ficamos em ambientes mais propícios à contaminação e tomamos atitudes que impactam nossa imunidade. Isso não significa que você tenha que manter todas as janelas abertas e passar frio só para fugir de problemas!

A contaminação acontece através de contato com objetos já contaminados e que foram compartilhados — embora essa contaminação direta necessite de maiores esclarecimentos científicos — ou pela inalação de gotículas de secreções ainda suspensas no ar, expelidas por uma pessoa contaminada que, por exemplo, deu um espirro.

Por isso, as medidas de prevenção mencionadas no começo são tão importantes, sem falar que cuidar da própria imunidade (incluindo cuidar da alimentação) é sempre uma boa opção. A vacinação, por sua vez, oferece uma camada de proteção melhor ainda, então consulte se você atende os requisitos de vacinação de gripe em sua cidade.

 

E o que tudo isso tem a ver com a Bronquite?

A Bronquite é a inflamação dos brônquios e justamente surge em decorrência de uma infecção viral ou, mais raramente, bacteriana. Prevenir, portanto, é o ideal. Mas, como nem sempre dá para escapar da contaminação, saber especificamente sobre a Bronquite é importante para buscar um tratamento adequado.

Além dessa inflamação, o corpo produz mais muco, que por consequência obstrui a passagem de oxigênio. Os músculos que revestem os pulmões, chamados de cílios, não conseguem levar essas secreções para fora do corpo e todo trânsito de ar fica prejudicado, ou até entupido. Por isso, a tosse e o chiado são sintomas clássicos da Bronquite.

Bronquite crian?a estetosc?pio exame

Quais são as diferenteças entre Bronquite Aguda e Crônica?

A Bronquite pode ser aguda ou crônica. Se for Bronquite Aguda, pode ser contagiosa porque está associada principalmente a vírus. Já a Bronquite Crônica, não. Cuide de si e daqueles que estão ao seu redor se você receber diagnóstico de Bronquite Aguda. Veja mais diferenças abaixo:

Bronquite Aguda

Duração de 1 a 3 semanas, sendo um quadro mais esporádico. Geralmente é causada por vírus, mas pode também ser decorrente de uma infecção bacteriana e pode facilitar outras infecções bacterianas durante o tratamento. Outro aspecto a ser lembrado é que alergias ou contato com substâncias irritantes (poluentes, tintas, etc) podem desencadear a Bronquite.

Bronquite Crônica

Duração extensa, podendo alcançar meses ou anos. É uma condição constante, levando a tosses mais frequentes ainda e piora do quadro no período da manhã. Costuma ser uma extensão da Bronquite Aguda, também causada por exposição constante a agentes infecciosos e substâncias irritantes. No entanto, é muito mais frequente em adultos fumantes. Não deve confundir-se com a Asma, apesar de sintomas parecidos, pois os episódios de Asma alternam-se, geralmente são causados por reação alérgica e acometem todas as faixas etárias.

 

Quais são os sintomas da Bronquite?

A Bronquite tem sintomas clássicos e bem identificáveis pelo próprio paciente. Vamos revê-los a seguir:

  • Tosse (é o principal sintoma, sendo seca ou com muco)
  • Chiado durante a respiração
  • Dificuldade para alternar entre fala e respiração
  • Dificuldade para respirar (sensação de falta de ar)
  • Sensação de peso no peito
  • Coriza
  • Cansaço
  • Dores de garganta
  • Febres
  • Calafrios

 

Bronquite é grave? Pode matar?

A Bronquite tem tratamento e, na maioria dos casos, cura também! A Bronquite Aguda é resolvida na margem de 3 semanas através de algumas medidas como ingestão de muito líquido, repouso e remédios. A Bronquite Crônica, por sua vez, tem somente tratamento e, já que é muito associada ao uso de tabaco, a maior recomendação é o abandono do cigarro.

Quadros de Bronquite podem se tornar mais graves se não forem devidamente tratados. O corpo fica mais vulnerável a complicações, como pneumonias e enfisemas pulmonares. Então, o ideal é tomar cuidado para evitar a Bronquite e, caso você tenha eventualmente, cuide para não deixar piorar.

Um episódio de Bronquite não é uma sentença, mas não negligencie sua saúde!

Bronquite consulta m?dica tratamento

Fatores de risco da Bronquite

As causas de Bronquite são infecções virais em sua maioria, além de exposição constante a substâncias irritantes como gases tóxicos e produtos de limpeza pesada. Existem fatores de risco que contribuem para o surgimento da Bronquite, como:

  • Tabagismo
  • Baixa imunidade
  • Refluxos gástricos (que irritam o esôfago e garganta)
  • Idade (crianças e idosos sofrem mais por imunidade mais frágil)
  • Contato com pessoas contaminadas
  • Nervosismo e estresse (que impactam imunidade e deixam pacientes com histórico de problemas respiratórios mais frágeis)
  • Alergias

 

Diagnóstico de Bronquite

Tosse constante e chiado no peito ao respirar são sintomas muito característicos da Bronquite. Entretanto, há formas modernas para formar um diagnóstico médico preciso; lembrando que é necessário conferir se é Bronquite mesmo ou outra doença. Profissionais da saúde irão perguntar sobre seus hábitos e rotina de trabalho, além de auscultar seu peito com um estetoscópio. Outros exames podem ser pedidos:

  • Radiografia (Raio-X)
  • Exame de sangue (para conferir infecções)
  • Oximetria
  • Espirometria

Bronquite exames raio X

Como tratar a Bronquite?

Em casos de Bronquite Aguda, não existem medicamentos capazes de eliminar especificamente o vírus, que é a principal causa da Bronquite Aguda. Profissionais da saúde podem indicar antibióticos se ocorrerem infecções bacterianas. Deve-se lembrar que o uso indiscriminado deste tipo de medicamento acarreta em uma série de impactos negativos, portanto consulte profissionais da saúde antes de consumir remédios, principalmente antibióticos.

De maneira geral, tratam-se os sintomas até a recuperação completa:

  • Hidratação de vias respiratórias
  • Boa ingestão de líquidos
  • Repouso
  • Umidificadores de ar
  • Anti-inflamatórios
  • Analgésicos
  • Descongestionantes
  • Broncodilatadores
  • Antibióticos (em caso de infecção bacteriana)
  • Antitussígenos

Bronquite tratamento hidrata??o

E para a Bronquite Crônica, recomenda-se também:

  • Evitar cigarro — seja você o próprio fumante ou fumante passivo.
  • Evitar contato com substâncias irritantes — como produtos de limpeza fortes, fumaças, tintas ou quaisquer outros tipos de substâncias que irritam as vias aéreas. Se isso estiver relacionado às suas condições de trabalho, verifique se normas de segurança são seguidas e se há a possibilidade de afastamento.
  • Evitar situações de estresse — que podem gerar impactos negativos na sua imunidade e propiciar crises de tosse.

 

10 Dicas de Tratamento Fitoterápico para Bronquite

Além de todos esses cuidados que foram explicados, a natureza auxilia bastante a nossa recuperação em casos de Bronquite. O tratamento é eficaz, trazendo alívio e conforto até você se sentir muito melhor. Confira agora a nossa lista de fitoterápicos indicados para casos de Bronquite:

1 - Tanchagem — Possui excelente ação antitussígena e é indicada para afecções das vias respiratórias, incluindo a bronquite. Pode ser consumida em diversas formas, incluindo o xarope associado com Guaco e Eucalipto! (ver produto)

2 - Guaco — Usado para tratamento de gripes, rouquidão, dores de garganta e bronquite. Tem efeito broncodilatador e expectorante, trazendo muitos benefícios para quem foi acometido pela bronquite. Pode ser consumido também em xarope, associado com outras plantas que potencializam suas qualidades. (ver produto)

3 - Assa-Peixe — Apesar do nome curioso, o Assa-Peixe tem diversas ações positivas no tratamento de gripes, resfriados e bronquite. É expectorante e combate a tosse, trazendo alívio. (ver produto)

4 - Jatobá — Além de aumentar a disposição, o Jatobá é indicado também para casos de bronquite e asma. Pode ser consumido na forma de tintura, extrato fluido ou cápsula! (ver produto)

5 - Perilla frutescens/ Lavandulin — Tem ação antialérgica e anti-inflamatória. Portanto, é consumida durante estados alérgicos, rinites e bronquites. (ver produto)

6 - Amburana — É analgésica, anti-inflamatória e broncodilatadora, auxiliando no combate a tosses, afecções respiratórias e bronquite. (ver produto)

7 - Aveia — Aqui não estamos falando só de comer aveia (que faz bem para a saúde em geral), e sim da ação fitoterápica da aveia sobre a bronquite. A Aveia combate o principal sintoma, que é a tosse! (ver produto)

8 - Grindélia — Age como expectorante, sendo associada com outros componentes para maior eficácia contra asma e bronquite! (ver produto)

9 - Lobélia — A Bronquite Crônica é muito associada ao tabagismo e a Lobélia, além de ser expectorante e tratar a própria bronquite e insuficiência respiratória, também consegue auxiliar no tratamento da abstinência de nicotina. (ver produto)

10 - Óleo de Copaíba — Possui ações antissépticas e expectorantes das vias respiratórias. Trata muito bem as tosses, sintoma clássico da Bronquite. (ver produto)

Esperamos que este informativo tenha sido útil e agradável de ler! O Inverno chegou e podemos intensificar os cuidados com a nossa saúde, evitando maiores complicações e cuidando também de quem está perto.

Busque sempre o apoio de profissionais da área da saúde para uma avaliação completa do seu caso e cuide da sua saúde com carinho, sabendo que você pode contar com o auxílio da Oficina de Ervas!

E se sobrou alguma dúvida, você pode falar com nossos fitoterapeutas, clicando aqui.

Bronquite calafrio febre

Bibliografia

https://saude.abril.com.br/medicina/o-que-e-bronquite-dos-sintomas-ao-tratamento/

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/bronquite/

https://magscan.com.br/blog/como-saber-se-tenho-bronquite-ou-asma/

https://bvsms.saude.gov.br/asma-bronquite-cronica-e-enfisema/

https://www.msdmanuals.com/pt-br/casa/distúrbios-pulmonares-e-das-vias-respiratórias/bronquite-aguda/bronquite-aguda

https://www.cdra.com.br/o-que-e-bronquite-cronica

https://www.minhavida.com.br/saude/temas/bronquite

https://www.saudebemestar.pt/pt/medicina/pneumologia/bronquite/

https://www.saude.ce.gov.br/2020/03/16/conheca-as-diferencas-entre-resfriado-e-gripe-e-saiba-como-se-prevenir/

https://www.cnnbrasil.com.br/saude/por-que-e-mais-facil-pegar-um-resfriado-ou-gripe-durante-o-inverno/

Comentários


  • Alba Pacheco Mollinari
    Asma
    ⇒ Oficina de Ervas:
    Olá, Alba

    Clique no link abaixo e informe aos nossos fitoterapeutas sua idade, se tem algum problema de saúde e se faz uso de algum medicamento:

    https://www.oficinadeervas.com.br/fale-fitoterapeuta

    Aguardamos seu contato.

    Estamos à disposição.

Deixe seu comentário sobre:
10 Plantas para ajudar na Bronquite