"A sua saúde em equilíbrio com a natureza."
Parcelamento em até 6X SEM JUROS!

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

A Importância da Psicoterapia.

                                        psicologia - cabeca

Quem já não teve algum tipo de transtorno psicológico em algum momento da vida? E quantas vezes percebemos em pessoas próximas os sofrimentos psicológicos?
Muitas vezes a própria pessoa não percebe a necessidade de ajuda de um psicólogo, e vai "levando" a vida, como se um milagre pudesse tirá-la da situação de um dia para o outro. E o que normalmente acontece é que os problemas só tendem a aumentar, pois uma vez que eles vão se somando, chega um momento em que a pessoa "trava" literalmente. Perde a noção das coisas mais simples da vida, perde o entusiasmo e acaba por adoecer.
Nesse momento, alguns buscam a ajuda do psicólogo, mas fica mais complicado sair do quadro, uma vez que não houve nenhuma forma de apoio e orientação enquanto os desequilíbrios eram menores.
É importante ficar atento para detectar o momento de procurar ajuda. Às vezes pode começar com preocupações demasiadas, decontentamento consigo mesmo, idéias suicidas, TOC, descontrole emocional frequente, insegurança, além de fatores externos que muitas vezes nos afetam muito, como acidentes, perdas e luto. Quanto mais cedo procuramos ajuda, maiores são nossas chances de restabelecimento rápido.
Nos dias atuais, ter um acompanhamento psicológico não é mais luxo e muito menos bobagem. É uma necessidade criada pelo próprio homem, por tantas mudanças, competições, informações e luta. O homem moderno perdeu seu contato com a natureza, desaprendeu a recarregar suas energias como seus antepassados, vive com pressa, com medo, com estresse! Sem ajuda, a tendência é entrar em colapso!
O psicólogo tem, neste contexto, a função de sustentar o paciente, auxiliando-o na busca por novas alternativas para a tomada de decisão, ressignificação de experiências, além de auxílio no encontro de suas potencialidades e virtudes, favorecendo assim, seu crescimento e a autonomia.
Faça uma análise honesta de sua própria vida e não tenha vergonha de procurar ajuda!
Viver é enfrentar um problema atrás do outro. O modo como você o encara é que faz a diferença.
Benjamin Frankli

Quem já não teve algum tipo de transtorno psicológico em algum momento da vida? E quantas vezes percebemos em pessoas próximas seus sofrimentos psicológicos? 

Muitas vezes a própria pessoa não percebe a necessidade de ajuda de um psicólogo, e vai "levando" a vida, como se um milagre pudesse tirá-la da situação de um dia para o outro. E o que normalmente acontece é que os problemas só tendem a aumentar, pois uma vez que eles vão se somando, chega um momento em que a pessoa "trava" literalmente. Perde a noção das coisas mais simples da vida, perde o entusiasmo e acaba por adoecer.

Nesse momento, alguns buscam a ajuda do psicólogo, mas fica mais complicado sair do quadro, uma vez que não houve nenhuma forma de apoio e orientação enquanto os desequilíbrios eram menores.

                                   psicologia - solucao

É importante ficar atento para detectar o momento de procurar ajuda. Às vezes pode começar com preocupações demasiadas, descontentamento consigo mesmo, idéias suicidas, TOC, descontrole emocional frequente, insegurança, além de fatores externos que muitas vezes nos afetam muito, como acidentes, perdas e luto. Quanto mais cedo procuramos ajuda, maiores são nossas chances de restabelecimento rápido.

Nos dias atuais, ter um acompanhamento psicológico não é mais luxo e muito menos bobagem. É uma necessidade criada pelo próprio homem, por tantas mudanças, competições, informações e luta. O homem moderno perdeu seu contato com a natureza, desaprendeu a recarregar suas energias como faziam seus antepassados, vive com pressa, com medo, com estresse! Sem ajuda, a tendência é entrar em colapso!

O psicólogo tem, neste contexto, a função de sustentar o paciente, auxiliando-o na busca por novas alternativas para a tomada de decisão, ressignificação de experiências, além de auxílio no encontro de suas potencialidades e virtudes, favorecendo assim, seu crescimento e a autonomia.

Faça uma análise honesta de sua própria vida e não tenha vergonha de procurar ajuda!

                                        psicologia - feliz

"Viver é enfrentar um problema atrás do outro. O modo como você o encara é que faz a diferença." (Benjamin Franklin)

                    

Outros informativos que podem interessar