"Conheça os benefícios que as plantas podem fazer por você."
Parcelamento em até 6X SEM JUROS!

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

Diabetes: O que fazer?

O que é diabetes?

O diabetes é uma doença que diminui a produção e/ou a ação da insulina, um hormônio produzido pelo pâncreas cuja função é facilitar a absorção da glicose pelo organismo.

Tipos de Diabetes Mellitus

Diabetes tipo 2O Diabetes Mellitus tipo 1 é uma doença autoimune, que faz com que o corpo produza pouca ou nenhuma insulina. Geralmente aparece na infância ou adolescência, sendo necessário tomar doses de insulina diariamente para manter o nível de glicose controlado.

O Diabetes Mellitus tipo 2 ocorre geralmente em adultos, por conta de fatores hereditários, e está associado à obesidade e idade avançada. Neste caso, a produção de insulina é normal, mas os tecidos do corpo criaram resistência à sua ação e isso impede a absorção da glicose pelo organismo e gera o aumento de açúcar no sangue. O Diabetes Mellitus tipo 2 aparece, na maioria das vezes, em pessoas com mais de 40 anos, acima do peso, sedentárias ou com maus hábitos de alimentação, mas há casos em que pode ocorrer em jovens.

No início do Diabetes Mellitus tipo 2, as pequenas elevações da glicemia não mostram sintomas. Por isso, na maioria das vezes, pode permanecer por muitos anos sem diagnóstico e sem tratamento. Isso favorece a ocorrência de suas complicações, geradas pelo controle inadequado da glicemia, como problemas cardiovasculares, retinopatia, nefropatia e neuropatia.

Os sintomas mais comuns do Diabetes Mellitus tipo 2 são o aumento da vontade de urinar, sede em excesso, perda de peso, cansaço, má circulação, tontura, visão embaçada, formigamento no corpo, pressão alta, problemas cardíacos (colesterol e triglicerídeos elevados), dificuldade de cicatrização (principalmente em membros inferiores), doenças renais e infecções frequentes.

Como saber se tenho diabetes?

Diabetes MelitusO diagnóstico de diabetes é feito por exames de sangue, que medem a quantidade de açúcar no sangue, sendo confirmado quando é igual ou acima de 126mg/dL.

Tenho diabetes. E agora? O que fazer?

Primeiramente, o acompanhamento médico frequente é necessário em ambos os casos.

No Diabetes Mellitus tipo 1, o tratamento é feito com a reposição da própria insulina diariamente, com exercícios físicos e com uma dieta de pouco açúcar. 

No Diabetes Mellitus tipo 2, o diabético pode ter outras doenças associadas, como colesterol e pressão altos. Por isso, o tratamento vai além de apenas o controle da glicemia, sendo necessário controlar as outras doenças existentes, parar de fumar e praticar exercícios físicos regularmente. 

Um estilo de vida saudável pode ajudar muito para uma boa qualidade de vida e redução dos sintomas, começando com uma restrição calórica e a diminuição do consumo de açúcar.

Diabetes e a Fitoterapia

Muitas plantas medicinais tem sido estudadas por conterem substâncias que previnem ou reduzem os sintomas de diabetes. As mais indicadas são a Pata de Vaca, Jambolão, Graviola, Melão de São Caetano, Gimena, Pau Tenente e Feno Grego. A Stevia também pode ser usada como adoçante natural, substituindo o açúcar.

É importante obter orientação antes de usar fitoterapia no tratamento de diabetes, pois cada caso é diferente e depende de qual tratamento o diabético já está fazendo. Fale com o fitoterapeuta clicando aqui.

      

Outros informativos que podem interessar