"Conheça os benefícios que as plantas podem fazer por você."
Parcelamento em até 6X SEM JUROS!

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

Ritual de Ano Novo

 

Assim como no Brasil e outros países, onde as pessoas costumam fazer uma boa faxina na casa, deixando-a nos trinques para o Ano Novo, no Japão esse hábito é visto como uma tradição milenar, que tem como objetivo não só a questão da higiene em si, mas também como algo “purificador”, pelo ponto de vista religioso e espiritual.
É o ritual do Oosouji, realizado no dia 31 de dezembro, véspera de Ano Novo, na qual todos os japoneses no geral promovem uma grande limpeza, não só em suas casas, mas nas ruas, nos bairros, no ambiente de trabalho, escolas, praças, jardins… Nos centros comunitários, o Oosouji é realizado em forma de mutirão e envolve pessoas de todas as idades, de crianças à idosos. As famílias japonesas aproveitam para jogar fora tudo que for inútil e que esteja apenas fazendo volume.
Pode parecer um costume milenar descartável nos dias de hoje, mas se pararmos para refletir, na verdade é um ritual para jogar fora os sentimentos ruins, mágoas ou rancores guardados na alma. Uma boa faxina mental é necessária para que possamos evoluir. É uma época de renovação… de bons fluidos… de se reenergizar espiritualmente.
Portanto, precisamos começar o Ano Novo livres de pesos desnecessários, e mais do que isso, fazer mudanças importantes, para que esses pesos acumulados no ano anterior não voltem a tomar espaços em nossas vidas pela repetição dos mesmos erros. Precisamos entender que para nossa evolução, temos que aprender a acumular menos e nos doar mais. Não falo de doações apenas materiais, mas de carinho, atenção, amor, compaixão e ensinamento. Todos nós temos condições para tal, mesmo em meio a dificuldades e problemas. Pois aquele que espera um dia não ter problemas para começar a fazer algo pelo próximo, nunca vai fazer nada para si mesmo!
Desejo que você possa começar seu Ano Novo mais leve, e que possa fazer dele um Ano de muitas realizações, acumulando muitas coisas boas! Coisas que não precisam de faxina no final, como sorrisos, amigos, amor, paz, aprendizado e saúde!
FELIZ ANO NOVO
"Para sonhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre". (Carlos Drummond de Andrade)

Assim como no Brasil e outros países, onde as pessoas costumam fazer uma boa faxina na casa, deixando-a nos trinques para o Ano Novo, no Japão esse hábito é visto como uma tradição milenar, que tem como objetivo não só a questão da higiene em si, mas também como algo “purificador”, pelo ponto de vista religioso e espiritual.

É o ritual do Oosouji, realizado no dia 31 de dezembro, véspera de Ano Novo, na qual todos os japoneses no geral promovem uma grande limpeza, não só em suas casas, mas nas ruas, nos bairros, no ambiente de trabalho, escolas, praças, jardins… Nos centros comunitários, o Oosouji é realizado em forma de mutirão e envolve pessoas de todas as idades, de crianças à idosos. As famílias japonesas aproveitam para jogar fora tudo que for inútil e que esteja apenas fazendo volume.

             oosouji  feliz 2014


Pode parecer um costume milenar descartável nos dias de hoje, mas se pararmos para refletir, na verdade é também um ritual para jogar fora os sentimentos ruins, mágoas ou rancores guardados na alma. Uma boa faxina mental é necessária para que possamos evoluir. É uma época de renovação… de bons fluidos… de se reenergizar espiritualmente.

Portanto, precisamos começar o Ano Novo livres de pesos desnecessários, e mais do que isso, fazer mudanças importantes, para que esses pesos acumulados no ano anterior não voltem a tomar espaços em nossas vidas pela repetição dos mesmos erros. Precisamos entender que para nossa evolução, temos que aprender a acumular menos e doar mais. Não falo de doações apenas materiais, mas de carinho, atenção, amor, compaixão e ensinamento. Todos nós temos condições para tal, mesmo em meio a dificuldades e problemas. Pois aquele que espera um dia não ter problemas para começar a fazer algo pelo próximo, nunca vai fazer nada nem para si mesmo!

Desejo que você possa começar seu Ano Novo mais leve, e que possa fazer dele um Ano de muitas realizações, acumulando muitas coisas boas! Coisas que não precisam de faxina no final, como sorrisos, amigos, amor, paz, aprendizado e saúde!


FELIZ ANO NOVO

      happy new year

"Para sonhar um ano novo que mereça este nome, você, meu caro, tem de merecê-lo, tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, mas tente, experimente, consciente. É dentro de você que o Ano Novo cochila e espera desde sempre". (Carlos Drummond de Andrade)

Por: Eliza Tomoe Harada

                    

Outros informativos que podem interessar