"Novidade na Oficina de Ervas
Parcelamento em 6X SEM JUROS no cartão!"

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

Sene


Nome Científico: Cassia angustifolia
Familia: Caesalpiniaceae

Histórico e Curiosidades: O sene também é conhecido como cássia sena, sene-da-índia, entre outros nomes regionais. Esta platna é originada do norte da África, inclusive já era muito utilizada pelos curadores do Egito antigo. Foi levado até a Índia por médicos árabes, sendo que já por muito tempo foi incluída na Medicina Tradicional Indiana. Atualmente os maiores produtores são a Índia e países do norte da África.       

Botânica: O sene é um arbusto de pequeno porte, em média atigindo cerca de 1 m de altura. Suas folhas são compostas, pequenas, medindo cerca de 3cm de comprimento por 0,5 a 0,8 cm de largura,  no formato elíptico, bem finas e de cor verde claro. Suas flores são em cachos, de cor amarela dourado medindo cerca de 2 a 3 cm de diâmetro. Seus frutos, são do tipo legume (vagem), medindo cerca de 3 a 4 cm de comprimento, por 1 a 2 cm de largura, e são bem finos, além de possuir uma cor escura. Existem cerca de 400 espécies do gênero Cassia, sendo que muitas são empregadas como laxativos.

Cultivo e Colheita: Não encontramos muitas informações sobre o cultivo do sene. Não é cultivado no Brasil, o preço pago pela planta é muito baixo, o que provavelmente não tenha despertado interesse. Seu cultivo se estende da Índia à África. A multiplicação se dá por sementes ou estaquias. Colhe-se tano as folhas quanto as vagens. As folhas devem ser colhidas antes ou mesmo durante a floração, já os frutos na época do outono.
 
Parte Utilizada: As folhas e os frutos, denominados no mercado de "folículos". Industrialmente e mesmo nas farmácias de manipulação empregam-se mais as folhas, sendo que os folículos são empregados mais na foram de chá ou em maceração a frio.

Princípios Ativos: Antraquinonas 3 a 5%(senosídeos A, B, C, D, senidinas A e B, aloemodina, crisofanol, reína, antranol), mucilagens, galactomanan, flavonoides(kempferol), saponinas, resinas, glicosídeos naftalênicos, fitosteróis, ácido crisofânico e catartico, catartina, feoretina, senacrol, senapicrina, minerais.

Ação Farmacológica e Indicações: Possui ação purgativa ou laxativa, dependendo da dose utilizada e da sensibilidade da pessoa. Os senosídeos são reduzidos pela flora intestinal em reinantrona. Esta por sua vez é responsável pelo aumento do peristaltismo do cólon, e posteriormente oxidados em senidinas. Inibem a reabsorção de água e sódio, enquanto aumenta a excreção de potássio. Estimula a liberação de histamina na luz intestinal, que tem a propriedade de aumentar o peristaltismo.

Efeitos Colaterias: Pode ocorrer cólicas abdominais. Pode provocar diarréias. As antraquinonas podem escurecer a urina e pigmentar o cólon. É conta indicado nos casos de obstrução intestinal, enterite, colite e hipocalemia (diminuição de K no sangue). Não deve ser usado em gestantes, lactantes e crianças com menos de 7 anos. No período menstrual pode aumentar o fluxo.

Ademar Menezes Junior
      

 

Outros Produtos Naturais