"Especializada em plantas medicinais."
Parcelamento em até 6X SEM JUROS!

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

Polifenóis: Como eles podem prevenir problemas de coração

 

Você sabe por que os franceses têm menor índice de eventos cardiovasculares que os americanos? Alguns estudos mostram que é por consumirem vinho tinto com regularidade. Essa bebida contém um importante componente para a saúde do coração: o polifenol. Os polifenóis são compostos naturais que ocorrem em plantas, incluindo alimentos como frutas, vegetais, cereais, chá, café e vinho.

 

O histórico dos polifenóis

Nos anos 70, pesquisadores de epidemiologia descobriram informações importantes sobre os polifenóis. Eles estudavam o índice de eventos cardiovasculares nas populações norte-americana e francesa. E descobriram que, apesar de ambas terem uma dieta rica em gorduras saturadas ­– antes conhecidas como vilãs da saúde do coração ­–, ainda assim os franceses tinham menos problemas cardiovasculares.

Ao investigar o motivo, perceberam que a dieta francesa incluía uma quantidade regular de resveratrol, um polifenol presente na casca de uvas escuras e, portanto do vinho tinto. Assim, associaram o consumo desse polifenol a menores taxas de doenças cardiovasculares entre os cranceses.

 

Como polifenóis ajudam a evitar doenças do coração?

Com a descoberta dos benefícios dos polifenóis, os profissionais da saúde passaram a recomendar o consumo regular de alimentos ricos nesses componentes. Por isso, ficou comum dizer que uma taça de vinho por dia faz bem ao coração.

 

Hoje, sabemos que há centenas de polifenóis que fazem bem à saúde. Na base de dados Phenol-Explorer, podemos encontrar 500 tipos diferentes de polifenóis que estão presentes em mais de 400 alimentos. E eles podem fazer muito bem para a saúde do seu organismo. Confira abaixo alimentos que contém polifenóis e, portanto, propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e benéficas para o sistema cardiovascular.

 

Quais os benefícios de uma dieta com polifenóis?

Inúmeros estudos já demonstraram os benefícios de uma dieta composta por polifenóis. Suas propriedades antioxidantes têm se mostrado importantes para limitar o envelhecimento celular. Polifenóis tais como o resveratrol, a galato de epigalocatequina e a curcumina, além de prevenir o envelhecimento, podem ter benefícios na saúde cardiovascular. Outras melhoras no organismo da pessoa ainda incluem:

 

1. redução do colesterol ruim;

2. ajuda na prevenção de alguns tipos de câncer;

3. fortalecimento do sistema imunológico.

4. melhor recuperação muscular;

5. menores probabilidades de desenvolver doenças crônicas, como hipertensão, diabetes, doenças metabólicas, etc.;

6. proteção do sistema cardiovascular

7.

Frutas escuras e outros alimentos ricos em polifenóis

Como já dissemos, mais de 400 alimentos contêm polifenóis. Porém, alguns se destacam com quantidades maiores. Dentre eles, chamamos a atenção para as frutas vermelhas, a cúrcuma e o chá verde. Os benefícios para o organismo variam dependendo do tipo de polifenol.

 

Por exemplo, a curcumina, que está presente na planta e condimento conhecida como cúrcuma, funciona como varredor de radicais livres. Com isso, ela protege nosso organismo de danos às moléculas de DNA. Além disso, também reduz a formação de citocinas inflamatórias (um grupo de moléculas que têm papel importante na resposta imunológica). E, em alguns experimentos, pesquisadores já observaram que pessoas que consumiram curcumina tiveram melhora na recuperação muscular após realizar exercício físico intenso.

 

 

Outro polifenol, a quercetina, está presente na romã e nas maçãs e, em estudos com animais, mostrou melhorar a tolerância ao esforço através de um aumento na quantidade de mitocôndrias musculares e cerebrais.  Esse polifenol é considerado importante em ações antitumorais.

 

Veja abaixo uma lista com alimentos ricos em polifenóis:

 

1. Frutas: uvas, cereja, laranja, limão, maçã, amora, morango, caju, jabuticaba, mirtilo, ameixa, cranberry, açaí e damasco;

2. Hortaliças - couve, couve-flor, tomate, alho, cebola, espinafre, repolho, rabanete, escarola, mostarda, nabo e beterraba;

3. Sementes - castanhas, nozes, amendoins, amêndoas e pistache;

4. Ervas aromáticas e especiarias - alecrim, manjericão, manjerona, sálvia, alfavaca, gengibre, canela, açafrão, cúrcuma, colorau e cravo;

5. Bebidas - café, suco de uva integral, suco de amora integral, suco de mirtilo, chá verde, chá branco e vinho tinto;

6. Doces - Chocolate amargo (com mais de 65% de cacau).

 

 

 

Suplementos com polifenóis

Os benefícios de uma dieta rica em polifenóis não vêm de uma hora para a outra. É preciso introduzi-la na sua rotina por um tempo prolongado. Porém, muitas pessoas vivem na correria do dia a dia e têm dificuldade em manter uma alimentação equilibrada e nutritiva apenas com alimentos. Por isso, existem alternativas interessantes para você que quer obter os benefícios dos polifenóis e não tem tempo de pensar muito em refeições ou ainda cozinhar com grande variedade de alimentos.

 

Existem hoje no mercado cápsulas concentradas de polifenóis. Assim é mais fácil manter sempre uma dieta equilibrada. Com esses produtos, você pode ter sempre a sua disposição a possibilidade de ingerir o resveratrol, curcumina, e diversos outros polifenóis de forma concentrada e extremamente saudável. Na Oficina de Ervas, temos diversos produtos como esses para você conhecer.

 

Oficina de Ervas

Somos uma farmácia de manipulação com atendimento especializado em fitoterapia. Com 20 anos de trabalho na área de plantas medicinais, nossa missão

é colocar a fitoterapia à serviço da população oferecendo medicamentos manipulados de qualidade, informações e cursos que promovam a saúde com a força da natureza.

Quer saber mais? Entre em contato conosco: (16) 2133 4455.

https://www.oficinadeervas.com.br

 

 

      

 

Outros Produtos Naturais