"A sua saúde em equilíbrio com a natureza."

Digite o que procura abaixo
ou entre em contato conosco.

Inulina

A inulina é um nutriente funcional ou nutracêutico, composto por frutose, encontrado naturalmente em inúmeros vegetais, como por exemplo a chicória e o yacon. Esse nutriente, considerado uma fibra alimentar solúvel, é chamado de alimento prebiótico devido sua função exercida no organismo humano (nutriente que serve de alimentos para as bactérias intestinais).

Ao contrário dos outros nutrientes pertencentes a classe dos Frutooligossacarídeos (FOS), a inulina é resistente à ação das enzimas gástricas, fazendo com que ela não sofra digestão no estômago, chegando assim intacta ao intestino. Desse modo, esse nutriente influencia diretamente a função intestinal.

Apesar de ser um tipo de açúcar, sua glicose não é totalmente absorvida pelo organismo, podendo ser usada por diabéticos, pois não altera a glicemia. Pode também ser usada em dietas restritivas para fins de emagrecimento.

PROPRIEDADES

Existem inúmeros benefícios do uso da inulina por indivíduos saudáveis ou enfermos, dentre os principais destacam-se:

Prevenção de Câncer do Trato Gastrointestinal

Estudos realizados em 2006 mostraram que a administração de inulina por ratos diminuiu o número de focos de marcadores pré-neoplásico no cólon intestinal. Acredita-se que essa prevenção ocorre através da modificação da microbiota do cólon.

Além disso, a inulina pode ser ingerida por pessoas que estão em tratamento de quimioterapia ou radioterapia e garante uma provável melhora do bem estar desejado.

Melhora do funcionamento do intestino

Para que o intestino esteja em equilíbrio, a microbiota intestinal deve estar em pleno funcionamento, impedindo assim que microrganismos patogênicos exerçam seus efeitos prejudiciais. No entanto, sabe-se que grande parte das pessoas, principalmente do sexo feminino, apresentam desequilíbrio na flora intestinal, gerando alterações como a diarreia, alergia alimentar, constipação intestinal e até mesmo as doenças inflamatórias intestinais, como Chron e doença Celíaca.

Existem alguns nutrientes denominados prebióticos, que alteram diretamente as funções intestinais, como é o caso da inulina, capaz de aumentar o número de microrganismos promotores da saúde no trato gastrintestinal, regulando e equilibrando seu funcionamento.

Controle glicêmico

Assim como outras fibras alimentares, a inulina é capaz de auxiliar no controle da glicemia e insulinemia, devido sua ação no retardamento da absorção de diversos tipos de carboidratos. Essa ação pode beneficiar tanto as pessoas portadoras de diabetes tipo I e II, quanto pessoas com predisposição genética à doença.

Melhora da imunidade

Atualmente, já é comprovada a ação das bifidobactérias na melhora da imunidade, devido seu combate às bactérias patogênicas no intestino. Dessa forma, quando a inulina é administrada, sua ação sobre a microbiota intestinal resulta indiretamente na melhora da imunidade e redução de quadros alérgicos.

Alguns estudos ainda em andamento mostram que a inulina pode agir beneficamente sobre os níveis de triglicérides e colesterol sanguíneo, prevenindo assim doenças cardiovasculares.

CONCENTRAÇÃO RECOMENDADA

Para obter os benefícios desejados, precisamos de 5 a 20 g de inulina combinada ou não com outro prebiótico ou probiótico, por um período mínimo de 15 dias. Desse modo, a suplementação é uma alternativa positiva para a obtenção de bons resultados.

Observação: Deve-se sempre levar em consideração a quantidade de inulina presente nos alimentos comuns em nossa alimentação, como cebola, almeirão, alho, trigo e banana.

Sabe-se que o ideal é ingerir pelo menos 500 mg em jejum, com água, a fim de obter melhores resultados. O restante pode ser ingerido ao longo do dia.

A Inulina não altera o sabor dos alimentos nem sua textura, pode ser adicionado a qualquer alimento. Dissolve rapidamente e não possui açúcares.

      

 

Outros Produtos Naturais